Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5[ImagesOnly]

Style6


Bando interestadual é acusado de arrombar caixas eletrônicos em bancos, no Interior, e de atacar residências.
Delegado Tarcísio Abreu Júnior comandou a operação que desarticulou a quadrilha em Tianguá. Um cearense, um paulista e um paranaense foram presos com armas e ferramentas.

O novo superintendente da PF no Estado, delegado federal Sandro Lúcio Caron de Morais, ressaltou a importância da investigação que evitou novos ataques dos assaltantes nas cidades do Interior cearense.

Um sargento reformado da Polícia Militar, identificado como Francisco Cristóvão Pereira da Silva, comandante do programa Pró-Cidadania do Município de Frecheirinha (a 305Km de Fortaleza) e que também acumulava o cargo de membro do Conselho Tutelar de Ubajara, está sendo procurado pela Polícia Federal. Ele é acusado de participação direta nas ações praticadas por uma quadrilha de ladrões de bancos e arrombadores de caixas eletrônicos.

A quadrilha é composta, ainda, por um paulista, Guilherme Santos Diniz, 25; um paranaense, Carlos Gomes de Castro, 36; e pelo cearense André Luiz da Costa, 26, natural de Camocim mas radicado há mais de sete anos em São Paulo. Os três foram presos, ontem, pelos ´federais´ no Município de Tianguá (a 335Km da Capital). O cerco aos criminosos interestaduais teve o apoio do Comando do Policiamento do Interior (CPI) e da 2ª Companhia do 3ºBPM (Tianguá), sob o chefia do capitão PM Arturnane.

A operação que resultou na desarticulação do bando começou com a descoberta de que o grupo estava vindo de São Paulo para se estabelecer no Ceará.



Leia mais no Diário do Nordeste

About Jean Claudio

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Post a Comment

Política de comentários

O Portal Ceará em Rede não se responsabiliza pelos comentários de seus internautas, que podem ser feitos livremente, desde que respeitando-se as leis Brasileiras, as pessoas e assuntos abordados aqui.

Salientamos, que as opiniões expostas neste espaço, não necessariamente condizem com a opinião do nosso site.

Atenciosamente:
Equipe Ceará em Rede

Seguir no Email