Header Ads

Image and video hosting by TinyPic
  • Breaking News

    Mãe de Eduardo Campos, ministra Ana Arraes se desespera ao saber de queda de avião


    (Agência Brasil)
    A ministra Ana Arraes caiu no choro em seu gabinete no Tribunal de Contas da União (TCU) ao ser informada sobre a queda do avião onde viajava seu filho, o candidato à Presidência Eduardo Campos, 49 anos, segundo o jornal O Globo. Campos morreu na queda do avião que caiu em Santos, na manhã desta quarta-feira (13).

    Ele era casado com Renata Campos, com quem teve cinco filhos - o mais novo nasceu em janeiro deste ano. Ainda não foi confirmado se mulher e filho mais novo de Campos estavam na aeronave. Campos era neto do também político Miguel Arraes.

    Campos esteve em Salvador na última quinta-feira (7), acompanhado por Lídice da Matta, candidata ao governo da Bahia e de Eliana Calmon, candidata ao Senado. Ele participou de uma caminhada pela igualdade racial e fez panfletagem pelas ruas do Pelourinho.


    A Força Aérea Brasileira (FAB) confirmou a queda da aeronave através de um nota. A queda aconteceu por volta das 10h desta quarta-feira (13), quando uma aeronave Cessna 560XL, prefixo PR-AFA, caiu no litoral de São Paulo após decolar do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, com destino ao aeroporto de Guarujá (SP).

    Ao se preparar para o pouso, o avião arremeteu por conta do mau tempo. Logo depois, o controle de tráfego aéreo perdeu o contato com o jato da campanha do partido. Após a queda, o jato atingiu algumas casas na região e, conforme informações preliminares, havia pelo menos 10 pessoas feridas pelos estilhaços da queda e colisão.

    Ainda segundo o PSB, a candidata à vice Presidência do PSB, Marina Silva, não estava viajando na mesma aeronave. Ela está a caminho de Santos. A Aeronáutica informou que já iniciou as investigações para apurar os fatores que possam ter contribuído para o acidente.

    Fonte: Correio 24h

    Post Top Ad

    Image and video hosting by TinyPic

    Post Bottom Ad