Header Ads

Image and video hosting by TinyPic
  • Breaking News

    Um mês após morte, nova música de Johnny Winters com Ben Harper é divulgada; ouça

    Último álbum de estúdio de Johnny Winter, "Step Back", será lançado no dia 2 de setembro e a primeira mostra do novo trabalho foi divulgado neste fim de semana.

    Pesada, a canção "Can't Hold Out (Talk To Me Baby)", gravada em parceria com Ben Harper, mostra que o novo álbum, sucessor de "Roots", trará Winters explorando um blues mais agressivo e, como o próprio nome sugere, mais vintage.





    O ícone de blues morreu no dia 16 de julho, em um quarto de hotel em Zurique, Suíça, enquanto fazia shows na região e finalizava o disco.

    "Step Back" conta ainda com uma série de convidados especiais, incluindo Eric Clapton, Billy Gibbons, Joe Perry, Dr. John, Leslie Oeste, Brian Setzer e Joe Bonnamassa.

    "Se há pessoas boas [tocando junto], outros bons músicos, as pessoas gostam disso e eu adoro", disse Winter, sobre o novo trabalho.

    Trajetória

    Eleito um dos melhores guitarristas de todos os tempos e conhecido por solos virtuosos e sua voz rouca, John Dawson Winter 3º desenvolveu um estilo único ao combinar o blues clássico com a inspiração do country e do funk do Texas, seu estado de origem.

    Considerado uma lenda do blues, ele começou a se apresentar ainda muito jovem com o irmão Edgar Winter, que, assim como ele, é albino. Aos 10 anos, apareceu em concursos na televisão. Seu primeiro registro fonográfico, "School Day Blues", foi lançado quando Winter tinha 15 anos de idade.

    O texano chegou à fama no final dos anos 1960, quando começou a tocar em um trio com o baixista Tommy Shannon e o baterista Uncle John Turner. Em 1969 o trio se apresentou em vários festivais, incluindo Woodstock. Com o sucesso da apresentação, e o impulso dado por uma artigo da revista "Rolling Stone" na época, Johnny Winter lançou seu primeiro disco, "The Progressive Blues Experiment", em 1969.

    Winter chegou a sofrer com o vício de drogas, mas retomou à boa forma, com o disco "Still Alive and Well", em 1973. Quatro anos depois, produziu o álbum "Hard Again" de Muddy Waters, um de seus heróis da infância. A parceria resultou em várias indicações ao Grammy. Em 1988, foi incluído no Hall da Fama do Blues.

    UOL

    Nenhum comentário

    Comente, opine com responsabilidade, violação dos termos não serão aceitos. Leia nossa Política de Privacidade.

    Post Top Ad

    Image and video hosting by TinyPic

    Post Bottom Ad