Mulher é dopada e estuprada dentro de casa paroquial em Teresina


Uma beata de aproximadamente 50 anos de idade foi dopada e estuprada na residência de um padre da Igreja Católica, em Teresina. O caso é investigado sigilosamente pela Polícia Civil do Piauí.

A reportagem do Portal AZ apurou que a mulher fez exames na Maternidade Dona Evangelina Rosa e no Hospital de Doenças Tropicais Natan Portela, na semana passada. Na maternidade, confirmou-se o estupro. No Natan Portela, ela recebeu medicação para combater possíveis doenças sexualmente transmissíveis.

Para a polícia, a vítima contou que costumeiramente visitava a casa de moradia paroquial. Na semana passada teria pedido um copo de água e acabou adormecendo na casa do padre. Só teria acordado no dia seguinte.

Um religioso da Igreja Católica acompanhou a beata durante a realização dos exames. Na polícia, a mulher disse que nunca imaginava que o homem que a estuprou seria capaz de cometer o ato.

Os investigadores que trabalham no caso já têm o nome do acusado, mas ainda não revelam, pois resta a realização de um exame para comparar o material recolhido na vítima com o do investigado. Não dizem, sequer, se o suspeito é padre, ou morador da casa, nem mesmo o bairro em que o estupro aconteceu.


Fonte:Portalaz
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Comente, opine com responsabilidade, violação dos termos não serão aceitos. Leia nossa Política de Privacidade.

Procurar no Ceará em rede

Destaque

Sobral ganha Sistema de Comunicação Paraíso

Sistema de Comunicação Paraíso A rádio: A Paraíso Fm, é uma emissora de rádio situada na cidade de Sobral, atualmente estacionada no prefix...

Arquivo do blog