Ministério da Saúde confirma primeiro caso de coronavírus no Brasil

Fonte: G1/ Ce

O Ministério da Saúde afirmou nesta quarta-feira (26) que está comprovado o caso positivo de coronavírus no Brasil. Trata-se de um homem que mora em São Paulo, tem 61 anos, e veio da Itália. Esse é o primeiro caso da doença no país e em toda a América Latina.

Além dele, há outros 20 casos em investigação e 59 suspeitas já foram descartadas.

Vinhedo monitora família que teve contato com paciente com coronavírus em SP

Confira as principais informações:

Brasil confirmou o primeiro caso de coronavírus no país
Trata-se de um homem que mora em São Paulo, tem 61 anos, e veio da Itália
Ele está em quarentena domiciliar
30 pessoas da família estão sob observação
Além destes casos, há 20 pacientes em investigação em todo o país
Outros 59 casos foram descartados
16 passageiros que estiveram no mesmo voo devem ser postos em observação – alguns podem ter pego conexão e ido para outros destinos

De acordo com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, o paciente com Covid-19 chegou ao país vindo da Itália. Ele estava assintomático e, depois de alguns dias, procurou um serviço de saúde com sintomas respiratórios. Antes, ele havia participado de uma reunião familiar, o que levou o Ministério da Saúde a colocar 30 pessoas que tiveram contato com ele em observação.

O secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson Kleber de Oliveira, afirmou que ele é hipertenso e que por ter mais de 60 anos está entre os pacientes que apresentam maior risco, mas no caso dele específico, os sintomas são leves e a doença não evoluiu para um quadro mais grave.

O hospital Albert Einstein registrou a suspeita, fez um teste, que deu positivo. O caso foi para o Instituto Adolfo Lutz para contraprova, que foi concluído em três horas, comprovando a infecção por coronavírus. A média de conclusão do exame é de três dias, segundo Mandetta.

Passageiros não ficarão em quarentena

De acordo com o ministro Luiz Henrique Mandetta, os passageiros que estavam no avião com o paciente detectado com Covid-19 não serão postos em quarentena.

Entretanto, alguns passageiros devem ficar em observação: a partir da poltrona onde o paciente viajava, serão monitorados os passageiros dos lados e das duas fileiras à frente e atrás.

"São as duas fileiras à frente. O indivíduo [infectado] está sentado nessa fileira. Então pega-se os laterais dele, a da frente e a outra. Essas pessoas - foi assim que foi feito nos protocolos de influenza - são contactadas pela Anvisa", explicou Mandetta.

"Quando a gente confirma o caso, imediatamente isso é comunicado a eles [Anvisa] para comunicar com esse padrão de comunicação: no avião em que você estava, na poltrona anterior à sua, ou duas atrás da sua, caso você tenha febre, tosse etc, deve comunicar ao profissional de saúde que você estava nesse avião, de onde veio, número do voo, poltrona, para que ele possa pensar na possibilidade do coronavírus mesmo que você não esteja vindo da área acometida."

"Mas não existe quarentena, porque não existe eficácia nesse tipo de situação", afirmou.

O passageiro veio no voo AF 454 da Air France, que deixou Paris em 20 de fevereiro e chegou ao aeroporto de Guarulhos em 21 de fevereiro. A companhia aérea informou ter sido notificada pela Anvisa.

Repatriados de Wuhan e caso confirmado em SP

O ministro da Saúde esclareceu as diferenças entre os casos dos repatriados de Wuhan, que ficaram em quarentena em uma base militar em Goiás após chegarem da China, e o caso confirmado de Covid-19 em São Paulo, que está em quarentena familiar.

Sobre os repatriados, Mandetta disse que eles vieram de uma região epidêmica e iriam para diversas partes do país, o que poderia espalhar o vírus caso estivessem infectados.

"É de bom senso que você traga [ao Brasil] e aguarde 14 dias [para checar os sintomas]", afirmou Mandetta. Ele relembrou que foram feitos testes antes do embarque e durante a quarentena – todos deram negativo para a doença.

Já o paciente de SP esteve em trânsito quando estava assintomático e já estava em casa quando apresentou os sintomas.

"Você levar este paciente para dentro de um ambiente hospitalar só aumenta as chances de outros pacientes, em estado debilitado, serem acometidos", afirmou.

"O isolamento domiciliar é o mais recomendado [para casos leves]. Temos que levar pessoas com quadro respiratório grave para o ambiente hospitalar, mas não pessoas que estão com resfriado, em bom estado geral, se alimentando, com febre baixa e que usam qualquer um desses antitérmicos [para aliviar os sintomas]", afirmou Mandetta.

Providências

Mandetta afirmou que não serão alterados procedimentos nos aeroportos ou bloqueios a países suspeitos, devido ao grande número de conexões nos voos. "Não existe nenhuma tecnologia que possa nos dizer que quem está dentro de um avião possa estar com o vírus ou não", disse.

"A regra continua sendo: se tem sintomas, não viaje. Viajou? Informe as autoridades quando chega. Passou 14 dias da chegada, se sentir sintomas, procure a rede de saúde da sua cidade."

"Essa é mais uma gripe que o mundo vai ter que atravessar. O mundo não tem fronteiras. Não tem como parar uma pessoa em um lugar. Como todo vírus, a medida de melhor controle é por etapas, é termos agilidade [no diagnóstico]", afirmou Mandetta. "O sistema [de saúde] brasileiro fez tudo com muita agilidade." O ministro reforçou que há pacientes assintomáticos que transmitem a doença, e não há eficácia na testagem de temperaturas, por exemplo.

"Já passamos por epidemias respiratórias graves, como a H1N1. (...) Vamos passar por essa situação investindo em soluções, ciência e informação. [A recomendação é] Higiene, evitar aglomerações desnecessárias, cuidados de etiqueta respiratória, o brasileiro precisa aumentar o número de vezes que lava a mão", afirmou Mandetta.
"Passamos a uma nova fase de providências, no sentido de mitigar os efeitos da doença em SP e em todo Brasil. Nosso comitê de emergência está reunido em SP, e de tarde vamos nos juntar a eles para falar sobre o que deve ser feito. Não muda muito com relação aos casos suspeitos, mas agora temos uma patologia confirmada", afirmou o ministro.

Segundo Mandetta, é possível que o número de casos suspeitos aumente no Brasil, porque aumentou o número de países com mortes.

"Estamos na fase de contenção, que é evitar que o vírus se espalhe. Caso se espalhe, vamos para a fase de mitigação", afirmou o secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson Kleber de Oliveira.

O coronavírus é conhecido desde 1960. A doença provocada pelo novo coronavírus, chamada de Covid-19, está sendo investigada, mas apresenta gravidade moderada a leve, segundo o Ministério da Saúde.

Cada pessoa infectada pode transmitir para duas ou três pessoas, em alguns casos chegando a sete. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o período de incubação varia de 0 a 14 dias, mas já há estudos apontam que os sintomas aparecem de 9 a 10 dias.

Um estudo feito com 44 mil pessoas com casos confirmados apontou que a maioria dos infectados tinha idade entre 40 e 69 anos. Destes, 1.023 morreram. Os quadros mais graves deste estudo apareceram em pessoas acima de 60 anos.

Caso em SP

O Hospital Albert Einstein, na Zona Sul da capital paulista, registrou em 25 de fevereiro a notificação do caso suspeito de um homem de 61 anos. Ele é brasileiro e viajou para o norte da Itália entre 9 e 21 de fevereiro. O paciente tem sinais brandos da doença, como tosse, e está em isolamento domiciliar.

"O paciente encontra-se em bom estado clínico e sem necessidade de internação, permanecendo em isolamento respiratório que será mantido durante os próximos 14 dias. A equipe médica segue monitorando-o ativamente, assim como as pessoas que tiveram contato próximo com ele", diz nota do Hospital Albert Einstein (veja nota completa abaixo).

Coronavírus: entenda o que significa uma emergência de saúde pública global
Coronavírus: o que se sabe sobre o novo vírus que surgiu na China
Brasil dobra número de países em monitoramento de casos suspeitos de novo coronavírus; Itália, França e Alemanha entram na lista
Coronavírus: saiba quais são os sintomas e como os países afetados tentam se proteger

Segundo o Ministério da Saúde, no atendimento, o hospital "adotou todas as medidas preventivas para transmissão por gotículas, coletou amostras e realizou testes para vírus respiratórios comuns e o exame específico para SARS-CoV2 (RT-PCR, pelo protocolo Charité), conforme preconizado pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Com resultados preliminares realizados pela unidade de saúde e de acordo com o Plano de Contingência Nacional, o hospital enviou a amostra para o laboratório de referência nacional, Instituto Adolfo Lutz, para contraprova, que deu positivo.

O paciente viajou para a região da Lombardia (norte do país), a trabalho, sozinho, no período de 9 a 21 de fevereiro. Iniciou com sinais e sintomas (Febre, tosse seca, dor de garganta e coriza) compatíveis com a suspeita de Doença pelo Coronavírus 2019 (Covid-19). O paciente está bem, com sinais brandos e recebeu as orientações de precaução padrão.

A SES/SP e SMS/SP estão realizando a identificação dos contatos no domicílio, hospital e voo, com apoio da Anvisa junto à companhia aérea, diz a nota do Ministério da Saúde.

Centro de monitoramento

As autoridades sanitárias de São Paulo orientam que os pacientes com os sintomas da doença procurem o serviço de saúde mais próximo, caso apresentem febre, dificuldade para respirar, tosse ou coriza, associados a aspectos epidemiológicos como histórico de viagem em área com circulação do vírus ou contato próximo a algum caso suspeito ou confirmado laboratorialmente para coronavírus.

Para acompanhar esses casos suspeitos, o governo de São Paulo anunciou a criação de um centro de operações de emergência, que funcionará 24 horas por dia, controlando os registros do coronavírus em todo o estado.

O plano de ação, lançado em parceria com a Prefeitura de São Paulo, integrará profissionais de todos os municípios e inclui a compra de equipamentos de proteção para funcionários de saúde.

Dicas de Prevenção

Cobrir a boca e nariz ao tossir ou espirrar;
Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;
Não compartilhar objetos de uso pessoal;
Limpar regularmente o ambiente e mantê-lo ventilado;
Lavar as mãos por pelo menos 20 segundos com água e sabão ou usar antisséptico de mãos à base de álcool;
Deslocamentos não devem ser realizados enquanto a pessoa estiver doente;
Quem for viajar aos locais com circulação do vírus deve evitar contato com pessoas doentes, animais (vivos ou mortos), e a circulação em mercados de animais e seus produtos.

Nota do Hospital Albert Einstein

"O Hospital Israelita Albert Einstein informa que recebeu na noite do dia 24 de fevereiro, na Unidade Morumbi, em São Paulo, um paciente com sintomas semelhantes aos do Covid-19, sendo confirmada a infecção viral pelo novo coronavírus após a realização do teste PCR em tempo real. Na manhã do dia 25 de fevereiro o caso foi notificado à Vigilância Epidemiológica do Estado de São Paulo.

A equipe assistencial do Pronto Atendimento seguiu com rigor todos os protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde, Organização Mundial de Saúde (OMS) e Centers for Disease Control and Prevention (CDC-EUA), para oferecer o atendimento apropriado e garantir a segurança do paciente e de todos os profissionais envolvidos.

O paciente encontra-se em bom estado clínico e sem necessidade de internação, permanecendo em isolamento respiratório que será mantido durante os próximos 14 dias. A equipe médica segue monitorando-o ativamente, assim como as pessoas que tiveram contato próximo com ele.

Desde o início da epidemia mundial, o Hospital Israelita Albert Einstein mantém uma agenda ativa de monitoramento do avanço de novos casos e evolução do cenário mundial. O Hospital, que conta com os mais avançados recursos diagnósticos e assistenciais para os atendimentos que se fizerem necessários, inclusive os mais graves, vem atuando no treinamento intensivo de seus colaboradores com o objetivo de assegurar a oferta de atendimento adequado, bem como a segurança de pacientes, familiares e funcionários.

O Hospital Israelita Albert Einstein reforça que os padrões de conduta em todas as situações têm como foco preservar a segurança de todos os pacientes da instituição e manter a excelência nos atendimentos de qualquer natureza",diz a nota.


Fonte: G1/ Ce


Share:

Suspeitos em motocicleta matam homem a tiros, em Fortaleza

Fonte: G1/ Ce

Dois homens abordaram e mataram um jovem de 25 anos na noite desta quarta-feira (26) no Bairro Carlito Pamplona, em Fortaleza.

A vítima caminhava pela Rua Cruzeiro do Sul quando os suspeitos chegaram em uma motocicleta atirando contra ela.

Na tentativa de escapar, o jovem tentou entrar em uma travessa, mas foi perseguido e executado no local.

Policiais civis compareceram ao local. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa irá investigar a ocorrência.


Fonte: G1/ Ce
Share:

Homem é preso suspeito de matar mulher a facadas em Juazeiro do Norte, no Ceará

Fonte: G1/ Ce

Um homem de 23 anos foi preso suspeito de matar a mulher, Desideria Nascimento Gomes, comerciante de 21 anos, na manhã desta quarta-feira (26), em Juazeiro do Norte, no Sul do Ceará. De acordo com a Polícia Civil, a vítima morreu a facadas e quase foi estrangulada na casa da família, no Bairro Novo Juazeiro. O suspeito, Cícero Fernandes Januário, fugiu a pé e foi capturado por policiais militares.

Segundo a irmã da vítima, Deisiane Oliveira, o filho de 1 ano do casal e a irmã mais nova de Desideria, de 7 anos, estavam na residência no momento do crime. "Minha irmã pediu ajuda, saiu na rua pedindo socorro pra vizinha e pra um rapaz que estava lá fora. Só que, infelizmente, eles ficaram com medo de acontecer alguma coisa com eles", conta.

A mãe de Desideria já temia que algo pudesse acontecer devido ao comportamento agressivo do suspeito, que constantemente fica alcoolizado, ainda segundo Deisiane. O casal costumava brigar e as discussões ficaram mais intensas no período de carnaval. "Ele não queria que ela saísse, ela tinha que ir do trabalho para casa e de casa pro trabalho, afirmou Deisiane.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi até o local, mas a vítima já estava sem vida quando o atendimento chegou. A Polícia Civil realizou buscas para localizar o suspeito, que foi preso com a calça ensaguentada. Ele foi encaminhado à Delegacia Regional de Juazeiro do Norte.


Fonte: G1/ Ce

Share:

Advogado morre em capotagem de carro em Quixelô, no interior do Ceará

Fonte: G1/ Ce



Um advogado morreu na noite desta terça-feira (25), na rodovia CE-375, no município de Quixelô, na Região Centro-Sul do Estado. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública (SSPDS), a vítima identificada como Robson Rubens Sobreira da Cruz, 39 anos, conduzia o veículo na rodovia no quilômetro 45 quando perdeu o controle e capotou. O motorista morreu no local.

Ainda de acordo com a SSPDS, um passageiro também se feriu e foi socorrido para uma unidade hospitalar da região.

A Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) também foi acionada e fez os primeiros levantamentos do caso. A Delegacia Regional de Russas apura as circunstâncias do fato.


Fonte: G1/ Ce
Share:

Bebês prematuros ganham fantasia e comemoram primeiro carnaval em maternidade no interior do Ceará

Fonte: G1/ Ce

O primeiro carnaval a gente nunca esquece, mesmo que a lembrança venha por fotos que só poderão ser vistas daqui a alguns anos. Na Santa Casa de Misericórdia de Sobral, na região Norte do Ceará, pais de bebês prematuros internados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal II do hospital puderam registrar esse momento especial na vida dos filhos recém-nascidos. Nesta quinta-feira (20), eles participaram de ensaio fotográficos fantasiados com perucas e adereços carnavalescos.

“Hoje estou tendo o primeiro contato mais próximo com minha filha, é uma emoção indescritível. Apesar da situação, é incrível poder presenciar ela tão pequeninha já comemorando a festa”, ressalta Samila Silva, 19, natural de Crateús, mãe da pequena Ryana Sophia.

A filha nasceu prematuramente, com 25 semanas e 910 gramas, e mesmo com apenas uma semana de vida, já pôde vivenciar, nos braços da mãe, a sensação de brincar o carnaval.

O sentimento de felicidade é compartilhado por Leidiane Rocha, 25, natural de Cruz e mãe de Daniel Ravi, que nasceu há 13 dias com 1,20 kg, e do pequeno Daniel, de quatro anos. “Meu filho, com apenas 13 dias, embora internado, já está vivendo seu primeiro carnaval”, comemora a mãe.

Cuidado humanizado

Os bebês, apesar de terem estado delicado, são colocados no colo das mães e recebem as fantasias. A ação humanizada, segundo a enfermeira e coordenadora da UTI Neonatal II, Renides Brasil, ajuda no processo de recuperação das crianças e, também, das mães. Em dezembro do ano passado, a Santa Casa já havia proporcionado uma sessão de fotos de Natal para os prematuros internados.

“É um momento de festa. Quando elas observam os filhos fantasiados, é um estímulo para levarem os pensamentos às futuras festinhas que eles viverão”, ressalta a enfermeira.

“Tentamos minimizar a ansiedade e transformar a dor e a tristeza. Elas (mães) compartilham com a família, que não pode estar aqui”, acrescenta a enfermeira.

Técnicas

Além dos cuidados de saúde necessários, os bebês recebem, na unidade, outras ações de humanização, como a hidroterapia e a "redeterapia". A primeira técnica pode ser usada no tratamento coadjuvante, na terapia de sono, para estimular a alimentação do bebê, na redução da dor e estresse e na prevenção de anormalidades posturais.

Na "redeterapia", os bebês mais estáveis são colocados em redes especiais dentro da incubadora. O método ajuda a criança a adquirir uma posição mais confortável, semelhante à que estava no útero materno.


Fonte: G1/ Ce
Share:

Ceará tem 51 assassinatos em 48 horas de motim da Polícia Militar

Fonte: G1/ Ce

O Ceará registrou 51 assassinatos em 48 horas – mais de 1 por hora – em meio ao motim de policiais e bombeiros militares por aumento salarial.

A paralisação começou na noite de terça-feira (18). Até então, a média de homicídios no estado em 2020 era de 6 por dia. As 51 mortes ocorreram entre as 6h de quarta e as 6h desta sexta-feira.

Tropas do Exército começam a patrulhar ruas do Ceará
Projetos em análise no Congresso podem anistiar policiais que participaram de paralisações
Cidades do Ceará cancelam carnaval por conta de motim da PM

Uma delas ocorreu nesta madrugada no bairro Vicente Pinzón, em Fortaleza, onde um adolescente de 16 anos foi atacado por 7 homens que estavam em motocicletas. Outra, no Bairro José Walter, onde ocorreu um tiroteio que deixou 1 morto e 1 ferido.

Na noite de quarta, a dona de casa Maria de Paula Moura foi assassinada na frente da mãe e dos filhos numa tentativa de assalto na capital.

Batalhões ocupados

Os PMs têm cruzado os braços para pressionar por aumento salarial. O movimento também tem fechado batalhões – nesta sexta, ao menos 9 dos 43 estão ocupados pelos manifestantes – e atacado carros oficiais, que têm os pneus esvaziados para não poderem ser utilizadas.

Em um desses batalhões, o senador licenciado Cid Gomes foi baleado ao jogar uma retroescavadeira contra o portão que era mantido fechado pelos encapuzados. Ele não corre risco de morte.

A proposta do governo é aumentar o salário de um soldado da PM dos atuais R$ 3,2 mil para R$ 4,5 mil, em aumentos progressivos até 2022. O grupo de policiais que realiza as manifestações reivindica que o aumento para R$ 4,5 mil seja implementado já neste ano.

Na noite de quinta-feira (21), houve um encontro entre representantes dos policiais que participam do motim e uma comissão de senadores para por fim à paralisação. Mas, não houve acordo. Um dos pontos discutidos foi a anistia aos integrantes do movimento, mas o governo do Ceará diz esse ponto é inegociável.

A Constituição proíbe greve de agentes de segurança, como policiais militares, policiais civis, bombeiros e agentes penitenciários. Em 2017, o Supremo Tribunal Federal (STF) reiterou o veto.

A maioria dos ministros entendeu que, por se tratar de um braço armado do Estado, a polícia não pode fazer paralisação porque isso prejudica e afeta toda a sociedade. A decisão teve repercussão geral, ou seja, vale para todos os casos de greve de polícias que cheguem a qualquer instância da Justiça.

Nesta sexta-feira, o Solidariedade anunciou a expulsão do vereador Sargento Ailton, de Sobral, apontado como um dos coordenadores do movimento.

"Nós não trabalhamos com militância do terror que causam a depredação do patrimônio de pessoas e não podemos aceitar que policiais e agentes públicos, encapuzados e armados como milicianos, levem o terrorismo às ruas", diz a nota.

Exército e Força Nacional atuam no estado

Por conta do motim, o estado pediu ajuda ao governo federal, e recebeu reforço de tropas do Exército e de 300 agentes da Força Nacional, que já começaram a operar.

As tropas do Exército que farão o patrulhamento serão formadas por militares de Ceará, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte, e vão atuar de forma prioritária na capital e cidades da Região Metropolitana. No interior, as forças serão empregadas conforme a demanda. O número de militares não foi informado.

Resumo:

5 de dezembro: policiais e bombeiros militares organizaram um ato reivindicando melhoria salarial. Por lei, policiais militares são proibidos de fazer greve.
31 de janeiro: o governo anunciou um pacote de reajuste para soldados.
6 de fevereiro: data em que a proposta seria levada à Assembleia Legislativa do estado, policiais e bombeiros promoveram uma manifestação pedindo aumento superior ao sugerido.
13 de fevereiro: o governo elevou a proposta de reajuste e anunciou acordo com os agentes de segurança. Um grupo dissidente, no entanto, ficou insatisfeito com o pacote oferecido.
14 de fevereiro: o Ministério Público do Ceará (MPCE) recomendou ao comando da Polícia Militar do Ceará que impedisse agentes de promover manifestações.
17 de fevereiro: a Justiça manteve a decisão sobre possibilidade de prisão de policiais em caso de manifestações.
18 de fevereiro: três policiais foram presos em Fortaleza por cercar um veículo da PM e esvaziar os pneus. À noite, homens murcharam pneus de veículos de um batalhão na Região Metropolitana.
19 de fevereiro: batalhões da Polícia Militar do Ceará foram atacados. O senador Cid Gomes foi baleado em um protesto de policiais amotinados.
20 de fevereiro: policiais recusaram encerrar o motim após ouvirem as condições propostas pelo Governo do Ceará para chegar a um acordo.
21 de fevereiro: tropas do Exército começam a atuar nas ruas do Ceará.



Fonte: G1/ Ce
Share:

Bombeiros fazem buscas para encontrar jovem que caiu de moto em rio enquanto fazia entregas no Ceará

Fonte: G1/ Ce

O Corpo de Bombeiros do Ceará faz buscas para encontrar um jovem de 18 anos que caiu de moto em um rio do município de Boa Viagem, no interior do Ceará, na manhã desta quarta-feira (19). O jovem trafegava em uma passagem molhada com a moto no momento do acidente.


De acordo com os bombeiros, Chagas Neto foi arrastado pela correnteza após perder o controle da moto, se desequilibrar e cair no rio.


O Corpo de Bombeiros enviou uma equipe de busca e salvamento com mergulhadores para realizar buscas aquáticas no local do acidente. Até o momento, a vítima não foi encontrada.


Fonte: G1/ Ce
Share:

Jovem é morto a tiros enquanto jogava baralho na calçada de casa no Bairro Pici, em Fortaleza

Fonte: G1/ Ce



Um jovem de 19 anos foi assassinado a tiros na noite desta terça-feira (18) enquanto jogava baralho com amigos na calçada da casa onde morava no Bairro Pici, em Fortaleza. De acordo com testemunhas, uma pessoa ficou ferida após ser atingida com um tiro na mão, contudo, a polícia não confirmou a informação pois ainda estava realizando levantamentos sobre o caso.

Segundo o subtenente Mauro, do 18º Batalhão de Polícia Militar, a vítima, que já tinha passagem pela polícia quando era adolescente, foi surpreendida por um homem que desembarcou de um carro e realizou os disparos que atingiram principalmente a região da cabeça.

A polícia não descarta a possibilidade do crime ter sido motivado por acerto de contas, uma vez que a vítima era usuária de drogas, de acordo com familiares.

O caso é investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Buscas são realizadas para tentar identificar e prender os suspeitos.


Fonte: G1/ Ce
Share:

Governo do Ceará instaura 150 inquéritos contra policiais envolvidos em crimes militares

Fonte: G1/ Ce

O Governo do Ceará informou na noite desta terça-feira (18) que irá instaurar inquérito policial militar, bem como processos administrativos disciplinares, contra todos os agentes de segurança que se envolverem em atos que configurem crime militar. Somente nesta terça, 150 policiais já tiveram inquéritos instaurados.

Ainda de acordo com o Governo, os policiais que abandonarem o serviço também passarão por todas as sanções previstas em lei, além da exclusão da folha de pagamento pela Secretaria de Planejamento. "Os comandos não irão tolerar atos de indisciplina e quebra de hierarquia", diz nota enviada pelo governo.

Na tarde desta terça-feira (18), três policiais foram presos por atos grevistas em Fortaleza, contrariando a decisão da Justiça que determina a proibição de movimentos e protestos por reivindicação salarial de militares no Ceará.

Os policiais estavam armados, usando balaclava, e secavam pneus de um carro da polícia no Bairro Antônio Bezerra, de acordo com a Secretaria da Segurança Pública.

Os soldados, ambos do 14º Batalhão, em Maracanaú, foram autuados no artigo 149, parágrafo único, do Código Penal Militar (CPM), com pena prevista de 8 a 20 anos e são passíveis de demissão. Eles foram presos em flagrante por equipes do Comando de Polícia de Choque (CPChoque).

Polícia Civil nas ruas

No início da noite desta terça-feira (18), cerca de 21 equipes formadas por inspetores, escrivães e delegados de Polícia Civil saíram do Complexo de Delegacias Especializadas (Code) para realizar um trabalho de reforço na segurança atuando de forma ostensiva e preventiva.

Os agentes atenderam à convocação do governador Camilo Santana para realizar ações preventivas na capital cearense, região metropolitana e algumas cidades do interior do estado como Juazeiro do Norte e Sobral.

Além de atuar nas ruas, os policiais civis dão apoio às delegacias plantonistas. A operação segue até as 6h da manhã desta quarta-feira (19).

Decisão contra protestos

A Justiça determinou na segunda-feira (17) que os policiais se abstenham de realizar protestos e atos grevistas. Também ficou decidido que, em caso de manifestação por aumento salarial, os policiais podem ser presos.

Conforme a decisão da Justiça, fica determinado:

que as associações se abstenham de atuar ou promover reuniões voltadas para discussão de melhorias salariais;
que se abstenham de financiar ou de participar de assembleias para debater greve da categoria;
que, em caso de paralisação da Polícia Militar ou do Corpo de Bombeiros Militar, as associações demandadas abstenham-se de promover, de atos grevistas.

A decisão da Justiça ocorre em meio a atos de policiais que reivindicam uma reestruturação salarial da categoria. A proposta foi enviada à Assembleia Legislativa pelo governador do Ceará, Camilo Santana, na semana passada.

Conforme a proposta, o salário-base de um soldado será de R$ 4,5 mil, com aumento progressivo até 2022. O salário atual da categoria é de R$ 3,2 mil. A proposta inicial, rejeitada pelos policiais, era aumento para R$ 4,2 mil até 2022.

Circulação de ônibus

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus) informou na noite desta terça-feira (18), que o serviço de transporte coletivo está ocorrendo normalmente em Fortaleza.

O sindicado nega boatos de paralisação dos ônibus. "Não há nenhuma espécie de redução de serviço programado ou recolhimento de frota", esclareceu.


Fonte: G1/ Ce
Share:

Polícia Militar de Sobral acaba de aderir a greve da PM

Polícia Militar de Sobral paralisa suas atividades aderindo greve.

Insatisfeito policias militares de Sobral aderem greve da PM. Acompanhe na reportagem do Click Tv



Share:

Procurá no Ceará em rede

Facebook

Facebook
Siga-nos no Facebook

BTemplates.com

Seguir por Email

Sobre

Sobre
A única certeza que temos, é que nada somos mediante o cosmos

Internet Fibra Óptica

Internet Fibra Óptica
GPnet - Internet de Alta performance

Siga por Email

Twitter Ceará em Rede

Parceiro

Notícias de Sobral

Destaque

Ministério da Saúde confirma primeiro caso de coronavírus no Brasil

Fonte: G1/ Ce O Ministério da Saúde afirmou nesta quarta-feira (26) que está comprovado o caso positivo de coronavírus no Brasil. Trata-...

Arquivo do blog

Blog Archive