Porco é criado como pet no Ceará e conquista seguidores em rede social

Dylan e a cadela Lolita em post especial no Dia do
Amigo (Foto: Instagram/Reprodução)
Vinte quilos distribuídos em 55 centímetros e quase mil seguidores em uma rede social. O porco de estimação Dylan mudou a vida da empresária Agda Oliveira e ganhou muitos admiradores. Ele veio de São Paulo ainda filhote e vive em Fortaleza há um ano. "A gente queria um bicho, mas não queria um bicho comum, como cachorro e gato. O meu marido achou a coisa mais linda o porco e dizem que é um animal que dá sorte. Então, resolvemos procurar onde vendia o porco menor", conta Agda.
Dylan é um minipig, um porco menor que pode ser criado como animal de estimação. Agda lembra que quando ele chegou era bem pequeno e, com o tempo e mimos, foi ganhando cada vez mais "fofura". O porquinho tem vida de "rei", segundo assumem os próprios donos. "Eu crio como se fosse gente mesmo. Não vou mentir", diz a empresária.

Rotina


Como já chegou à fase adulta e ao peso limite, a alimentação precisa ser balanceada. Dylan só come frutas, verduras e milho. Além disso, dorme e descansa em uma cama cercada de edredons e almofadas. Um dos cuidados diários mais importantes e indispensáveis é o momento de passar hidratante e protetor solar.
Dylan adora tomar banhar de chuveiro (Foto: Arquivo
Pessoal)



Há cerca de um mês, Agda precisou fazer uma mudança radical por causa de Dylan. Ela e a família saíram de um apartamento, próximo ao trabalho dela, para morar em uma casa, com mais espaço para o porquinho de estimação. Segundo a dona, Dylan tem costumes de quem mora na fazenda. "Ele acorda às 5h e passa o dia brincando. Adora comer grama, fuçar e tomar banho de chuveiro".

Com tantos momentos de diversão, a empresária resolveu registrar tudo e criar um perfil em uma rede social para o Dylan. Até a última sexta-feira (15), o "Dylan, the pig", como é conhecido na rede, estava com 948 seguidores. A tendência é que o porquinho ganhe mais admiradores, depois que ele passou a estrelar em fotos da campanha da loja de bolsas de Agda.

Companhia


Para fazer companhia ao porco quando a dona estiver no trabalho, a empresária escolheu a cadelinha Lolita. A convivência deu certo e os dois, segundo a dona, viraram "melhores amigos". Vários momentos de interação entre o porquinho e a cadela também estão na rede social.

Depois da boa experiência com Dylan e Lolita, a empresária conta que já pensa em dar novos "irmãos" para o porco e o cadela. "Agora, a gente está pensando em fazer os humanos. Quero ver o ciúme do Dylan comigo grávida", brinca.

Fonte: cbnfoz.com.br
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Comente, opine com responsabilidade, violação dos termos não serão aceitos. Leia nossa Política de Privacidade.

Procurar no Ceará em rede

Destaque

Agente de endemias vítima de assalto faz apelo a assaltante

"Por favor! Devolva o meu cartão de memória, nele contem fotos de meus filhos, pago 200 reais". Falou Carlos no programa Jornal a ...

Arquivo do blog