Ceará em Rede - Notícias 24hs

Tudo sobre o Ceará, política, educação, esporte, saúde, polícia, dicas internet, brasil, sobral

Follow by Email

Search This Blog

Dez pessoas são detidas em operação contra jogo do bicho em Sobral

Dez pessoas foram detidas por envolvimento com jogo do bicho.
Compartilhar:
Fonte: G1/Ce  Foto: Polícia/ Divulgação


Dez pessoas foram detidas por envolvimento com jogo do bicho, em Sobral, na Operação Lei para Todos, realizada nesta quinta-feira (27). A polícia cumpriu mandado em três centrais que administravam os jogos ilícitos. Os locais foram fechados. Materiais e o valor de R$ 9.500,00 em espécie foram apreendidos.

O delegado municipal de Sobral, Márcio Luís, afirma que a polícia civil vinha realizando um estudo sobre as principais sedes onde se concentravam os administradores do jogo do bicho, que, segundo ele, ocorria de forma livre no município.

“A gente não se preocupou nesse momento com aquelas banquinhas onde são realizadas apostas. A gente foi direto na central onde é a administração e a arrecadação do dinheiro diariamente”, comentou.

Ainda de acordo com o delegado, a prática ilícita está associada a crimes mais graves.

“Se trata de uma contravenção penal, mas é associada a diversos outros crimes mais graves, como lavagem de dinheiro e financiamento do crime organizado”, apontou Luís.

Nas centrais foram apreendidos banners de propaganda explícita da contravenção, blocos de anotações e contabilidade do jogo do bicho e dinheiro em espécie.

A investigação da operação continua para apurar crimes de lavagem de dinheiro. Segundo o delegado, um inquérito vai ser instaurado para dar início à nova etapa.

“Dessa operação, futuramente nós vamos instaurar o inquérito para apurar o crime de lavagem de dinheiro, pra onde esse dinheiro tá indo e se tá financiando outros trabalhos ilícitos”, acrescentou.

Fonte: G1/Ce
Compartilhar:

Ceará

sobral

Post A Comment:

0 comments:

Comente, opine com responsabilidade, violação dos termos não serão aceitos. Leia nossa Política de Privacidade.