Tartaruga é encontrada morta durante limpeza de manchas de óleo em praia de Fortaleza

Fonte: G1/ Ce


Uma tartaruga foi encontrada morta em meio aos vestígios de petróleo na praia da Sabiaguaba, em Fortaleza, na manhã desta quinta-feira (10). Funcionário terceirizados da Prefeitura de Fortaleza realizam o trabalho de limpeza das manchas de óleo no litoral.

Manchas de óleo no Nordeste: o que se sabe sobre o problema
Confira a lista de praias atingidas pelas manchas de óleo no Nordeste

Esta é terceira limpeza realizada nesta praia. Na primeira vez, os responsáveis pela ação priorizaram a região das faixas de areia. A segunda tentativa de limpeza foi prejudicada pela alta maré. Desta vez, o foco são as pedras existentes na praia da Sabiaguaba.

Segundo os funcionários, com a alta maré, os animais aquáticos podem vir a se alimentar deste petróleo presente nas pedras. Contudo, ainda não é possível afirmar que a tartaruga tenha morrido em consequência do óleo na praia.

A Secretaria do Meio Ambiente do Ceará (Sema) informou que haverá uma reunião para divulgar o diagnóstico de todas as praias cearenses, na tarde desta quinta-feira (10), na sede da secretaria. A avaliação será baseada nos sobrevoos realizados na costa cearense, nesta quarta (9) e quinta-feira (10).

A ação contou com o apoio de técnicos da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace), do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e representantes de ONGs ligadas às causas ambientais.

Óleo no mar

Subiu de 138 para 139 o número de locais atingidos por manchas de óleo em localidades do Nordeste, segundo um balanço do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) divulgado na noite desta quarta-feira (9). O município de Cajueiro da Praia, no Piauí, foi o 63º a entrar para a lista de locais afetados em 9 estados: Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe.

As primeira manchas surgiram no dia 30 de agosto, na Paraíba, segundo informações do Ibama. O registro mais recente, de 9 de outubro, aponta a presença de óleo em 139 locais, de 63 municípios, em 9 estados: Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe.

O Ibama confirmou que trata-se de petróleo cru, substância tóxica. As manchas de óleo recolhidas no Ceará estão sendo incineradas em um forno licenciado para a combustão, segundo o Governo do Estado.

As investigações para apurar a origem da petróleo estão sendo coordenadas pela Marinha em cooperação com o Ibama, com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), com a Polícia Federal, a Agência Nacional de Petróleo (ANP) e a Força Aérea Brasileira.


Fonte: G1/ Ce
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Comente, opine com responsabilidade, violação dos termos não serão aceitos. Leia nossa Política de Privacidade.

Procurar no Ceará em rede

Destaque

Agente de endemias vítima de assalto faz apelo a assaltante

"Por favor! Devolva o meu cartão de memória, nele contem fotos de meus filhos, pago 200 reais". Falou Carlos no programa Jornal a ...

Arquivo do blog