Header Ads

Image and video hosting by TinyPic
  • Breaking News

    Exclusivo: vidente que previu a morte de Eduardo Campos explica para quem enviou cartas sobre o acidente

    Ele não sabe dizer de onde vêm seus sonhos premonitórios. Apesar de não gostar do título, o vidente Jucelino da Luz, que ganhou destaque nesta semana por causa de uma previsão que teria feito da morte de Eduardo Campos ainda em 2005, explicou que, em 44 anos que têm estes sonhos, nunca soube de onde eles vieram, ou qual seria a explicação para que acontecessem.

    Ele não sabe se os sonhos se realizarão. Segundo o “sonhador”, muitas das suas premonições simplesmente não se cumprem. Seja porque não se tratavam, na verdade, de premonições, seja porque, após avisado, o “alvo” do sonho mudou seu comportamento, evitando um acidente, um atentado, a queda de um avião.

    Não foi o caso de Eduardo Campos. Mesmo após todos os avisos ele ainda entrou no avião que caiu em Santos na última quarta-feira (13), cumprindo a sentença proferida pelo vidente.

    “Eu enviei cartas para o então governador de Pernambuco. Não era Eduardo Campos ainda. Depois, enviei cartas para Eduardo, quando ele já era governador. Infelizmente o acidente aconteceu. Foi uma tragédia”, disse.

    Trabalho sério - Jucelino afirma que milhares de pessoas que o conhecem atestam de sua seriedade e seu compromisso com a verdade. “Não faço nada de forma irresponsável. A repercussão deste caso tem sido extremamente positiva. Eu sigo todas as ordens e mandamentos espirituais que recebo”, disse.

    Estes mandamentos espirituais vêm, primeiro, por meio de sonhos. Jucelino se vê em um túnel que o leva para qualquer lugar do mundo. Ele esteve no interior dos aviões que se chocaram no World Trade Center, viu tsunamis e desastres naturais. Foi testemunha sonhadora de grandes fatos históricos e tristes tragédias.

    “Eu durmo e uma hora depois entro em sono pesado. Aí, é como se entrasse em um túnel do tempo. Abre-se um caminho e é como se eu fosse para outro lugar. Entendo, neste caso, todas as línguas. Vejo o que vai acontecer”, diz.

    Quando acorda, faz uma transcrição do sonho, e, neste momento, como que ouve uma voz, que lhe diz a quem aquela mensagem é endereçada. Endereçada mesmo, pois a voz lhe diz, inclusive, o endereço da pessoa que deve ser avisada sobre o acontecimento.

    “Em 85% dos casos são pessoas comuns, gente que já foi avisada e evitou acidentes, desastres. Tem gente que é grata a mim até hoje porque evitei sua morte”, disse. Seu objetivo com o envio das cartas é o de informar a pessoa de que aquele fato pode acontecer. Não há, no envio das cartas, a busca por divulgação.

    “Nosso objetivo é o retorno espiritual. Quando algo assim cai na internet é distorcido. Há pessoas que não querem que efetuemos este trabalho. A mídia é importante para a sociedade. Quando usamos um veículo de comunicação, nosso objetivo não é divulgar o nome do Juscelino da Luz. Nossa intenção é ajudar as pessoas enquanto seres humanos”, declarou.

    Origem desconhecida - A origem dos sonhos segue como uma incógnita. Jucelino afirma que já foi examinado por cientistas, já esteve com pastores, médiuns, padres. No entanto, não há um consenso sobre a origem de suas visões.

    “Atribuo isso a algum poder energético no cosmo. Já conversei com pastores, médiuns, cientistas, ninguém jamais soube me explicar como funciona isso. A única coisa que sei é que eu recebo estes sonhos e que preciso passar adiante, avisar as pessoas, para tentar ajudar de alguma forma a humanidade”, concluiu Jucelino


    João Thiago

    Post Top Ad

    Image and video hosting by TinyPic

    Post Bottom Ad