Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5[ImagesOnly]

Style6

Receita dos Ovos de Páscoa Econômico do Mais Você


Confira a receita de Ovo de Páscoa econômico e super fácil de fazer que a Ana Maria Braga deu no programa Mais Você dessa quinta-feira dia 17/04/2014.


Ingredientes

1 barra de chocolate (170 g)
1 colher (sopa) de manteiga derretida
Modo de preparo1 – Em um processador coloque 1 barra de chocolate e triture até formar uma farofa. Transfira a farofa para uma tigela, adicione 1 colher (sopa) de manteiga derretida e misture bem.2 – Em formas para ovos de Páscoa coloque uma porção de chocolate e modele com os dedos, formando a casquinha do ovo. Leve para gelar por 5 minutos. Retire da geladeira e desenforme.

3 – Se quiser, derreta um pouco de chocolate, pincele a parte de fora da casquinha do ovo e salpique confeitos coloridos ou chocolate granulado.

Receita do dia: 17/04/2014

Fonte: Mais Você

Ibope: Dilma cai de 40% para 37%, mas ainda seria reeleita

Foto: Ueslei Marcelino / Reuters
A presidente Dilma Rousseff durante cerimônia no Palácio do Planalto, em Brasília, no início de abril. 01/04/2014

As intenções de voto na presidente Dilma Rousseff caíram de 40% em março para 37% em abril, mas a presidente ainda seria reeleita no primeiro turno, de acordo com pesquisa Ibope publicada nesta quinta-feira.

A pesquisa aponta a vitória de Dilma no primeiro turno das eleições de outubro em dois cenários, seja com o ex-governador Eduardo Campos ou com a ex-senadora Marina Silva concorrendo pelo PSB.

Com Campos como candidato, Dilma teria 37%, contra 14% do senador mineiro Aécio Neves (PSDB) e 6% para o ex-governador de Pernambuco. Brancos e nulos somaram 24%.

A sondagem aponta que Dilma manteria os 37% e Aécio os 14% em um cenário em que Marina encabeça a chapa no lugar de Campos. Nesse caso, Marina, que foi terceira colocada na eleição presidencial de 2010, aparece com 10 por cento das intenções. Brancos e nulos somaram 23%.

Na segunda-feira, Campos anunciou sua pré-candidatura à Presidência da República pelo PSB, oficializando Marina Silva como pré-candidata a vice-presidente.

A pesquisa Ibope entrevistou 2002 pessoas em 140 municípios entre os dias 10 e 14 deste mês. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais.


Terra

Astrônomos descobrem 1.º exoplaneta habitável semelhante à Terra

REUTERS/NAS

Batizado de Kepler-186f, ele orbita estrela anã vermelha menos quente que o Sol, em zona onde pode haver água em estado líquido


Mônica Reolom - O Estado de S. Paulo
A existência de vida fora da Terra, um dos maiores mistérios para os seres humanos, nunca esteve tão próxima de se confirmar. Cientistas anunciaram nesta quinta-feira, 17, a descoberta do primeiro planeta fora do sistema solar de tamanho similar ao da Terra e onde pode haver água em estado líquido na superfície. Isso significa que o planeta pode ser habitável.
A novidade reafirma a probabilidade de que haja planetas irmãos à Terra na nossa galáxia, a Via Láctea. O trabalho, conduzido por um cientista da agência espacial dos Estados Unidos, a Nasa, foi publicado nesta quinta na revista científica Science.
"É o primeiro exoplaneta (planeta que orbita uma estrela que não seja o Sol) do tamanho da Terra encontrado na zona habitável de outra estrela", explicou Elisa Quintana, astrônoma do centro de investigação da Nasa, que liderou as investigações. "A descoberta é algo particularmente interessante porque o planeta, batizado de Kepler-186f, orbita uma estrela anã vermelha (a Kepler-186), menos quente do que o Sol, em uma zona onde pode haver água líquida."
De acordo com os cientistas, o planeta recém-descoberto tem 1,1 vez o tamanho da Terra, está na quinta posição contada a partir de seu sol e precisa de 129,9 dias terrestres para dar uma volta inteira em torno de sua estrela - o equivalente a um ano.
Já a estrela anã tem aproximadamente metade do diâmetro do Sol e fica a 490 anos-luz da Terra. Essa zona é considerada habitável porque a vida, tal como conhecemos, tem possibilidade de se desenvolver no local.
"Que a gente saiba, só existe vida aqui (na Terra). Então, estávamos procurando por um sistema exatamente como o nosso, ou seja, que tivesse um planeta do tamanho da Terra, localizado na zona habitável (com uma distância da sua estrela tal que a temperatura na superfície faça com que seja possível a existência de água) e que estivesse orbitando uma estrela parecida com o Sol", explica Isa Oliveira, pesquisador de astrofísica e sistemas planetários do Observatório Nacional. "Até hoje, a gente só tinha conseguido uma ou duas dessas coisas acontecendo ao mesmo tempo. Dessa vez, temos as três características juntas", afirma.
O professor de Astronomia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Kepler de Souza Oliveira Filho, ressalta a importância da descoberta para a ciência. "(Esse planeta) é um bom candidato a ter vida. Tem um sistema planetário como o sistema solar e a estrela é um pouquinho mais fria do que o Sol, mas o planeta é um pouquinho mais perto da estrela do que a Terra. Ele estava sendo esperado há muitos anos. Não tínhamos capacidade técnica de encontrá-lo, e agora comprovamos que ele existe, sim", salienta o professor.
A estrela que funciona como o sol desse sistema é a anã vermelha que, segundo a pesquisadora Isa Oliveira, representa 70% das estrelas no universo. "É bastante excitante que isso ocorra ao redor de uma estrela tão comum. Dá esperança de que a ocorrência de planetas com vida seja bastante possível em outros locais no universo", afirma. "Pode ser que consigamos descobrir muitos outros planetas mais próximos para que a próxima geração de telescópios possa observá-los melhor. Pode ser o começo de uma era bastante frutífera."
Limitações. Embora as condições no Kepler-186f sejam propícias para a existência de vida, ainda vai demorar ao menos uma década para que os humanos confirmem a informação. "O planeta tem o tamanho certo e a temperatura certa para ter água. Agora, se tem água, vamos ter de esperar ser medido o espectro dele e para isso deve levar ao menos 10 anos", diz Oliveira Filho.
Segundo ele, esse é o tempo necessário para construir telescópios com tecnologia adequada para fazer a medição.
Isa concorda: "Sabemos que a temperatura está correta, mas, para existir água, precisa ter atmosfera. Isso é bastante complicado de confirmar por causa das limitações tecnológicas que temos neste momento. O planeta está a quase 500 anos-luz de distância, ou seja, é muito longe para confirmar qualquer coisa a curto prazo".
Semelhança. Em agosto do ano passado, um planeta pequeno e rochoso, apenas um pouco maior do que a Terra, também havia sido descoberto. A diferença é que ele está muito mais próximo da estrela-mãe e, por isso, tem temperaturas infernais, de até 2,8 mil °C, além de um período orbital (tempo que o planeta leva para completar uma volta em torno da estrela) rapidíssimo, de apenas 8,5 horas, em vez dos 365 dias que tem o ano terrestre.
O exoplaneta Kepler-78b era considerado até então o mais parecido com a Terra que já tinha sido identificado, segundo dois estudos da revista Nature. / COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS

Próxima Gisele? Filha do Xuxa arrasa nas redes sociais como modelo; confira as melhores fotos da gata

Isabella Scherer é campeã de likes e elogios no Instagram



Sabe quem é essa gata? Isabella Scherer, filha de 17 anos de Fernando Scherer, o Xuxa. A loira é musa das redes sociais e brilha com suas fotos e dicas de moda. Autora do blog The Blonde Cherry, Isa aposta em seu lado modelo no Instagram.
Os ensaios de Isabella Scherer revelam o lado modelo da filha de Xuxa.
As fotos da loirinha são campeãs de likes nas redes sociais
As fotos da loirinha são campeãs de likes nas redes sociais
Além de fazer os meninos babarem com suas fotos, Isabella Scherer também é muito querida pelas meninas, sendo referência de estilo
Além de fazer os meninos babarem com suas fotos, Isabella Scherer também é muito querida pelas meninas, sendo referência de estilo
Isabella Scherer também arrisca como modelo e ganha muitos elogios de seus seguidores

Isabella Scherer também arrisca como modelo e ganha muitos elogios de seus seguidores.
Em seu blog, a gata teen dá dicas de moda, beleza e estilo. Além disso, ela ensina a fazer seus próprios acessórios, como pulseiras
Em seu blog, a gata teen dá dicas de moda, beleza e estilo. Além disso, ela ensina a fazer seus próprios acessórios, como pulseiras.


fonte:entretenimento.r7.com

Garoto comete suicídio e polícia investiga piadas sobre morte nas redes sociais

Colegas afirmam que adolescente sofreu bullying e prestam homenagens ao amigo no Facebook

Um adolescente de 15 anos foi encontrado morto enforcado na última quinta-feira (10) e a polícia investiga comentários ofensivos contra ele nas redes sociais. Uma menina de 17 anos foi detida após postar piadas com a morte do colega no Facebook. Saiba mais sobre o caso nas imagens a seguir.

De acordo com informações do veículo inglês The Telegraph, James Lock foi encontrado morto após sofrer bullying.

O garoto morava na cidade de Swansea, no Reino Unido, com os pais e estudava na Olchfa Comprehensive School. Seu corpo foi encontrado próximo ao local.

A polícia ainda investiga em que circunstâncias aconteceu a morte do adolescente.
O diretor da escola em que Lock estudava, Hugh Davies, disse que toda a comunidade escolar está chocada com a morte do aluno.
O diretor disse ainda que a escola está consciente do quanto a tragédia afeta os professores e os colegas de Lock e oferece apoio à comunidade escolar.

— Ele foi tirado deles, de nós, da forma mais trágica e todos estamos lutando para lidar com isso.
A escola foi fechada em respeito aos amigos de James Lock.
Em homenagem ao garoto, os colegas criaram uma espécie de santuário nas proximidades da escola

Em homenagem ao garoto, os colegas criaram uma espécie de santuário nas proximidades da escola
Os estudantes decoraram o local com gravatas, flores e cartas
Os estudantes decoraram o local com gravatas, flores e cartas.
Os alunos também usaram as redes sociais para expressar as saudades do amigo. Os colegas criaram um grupo no Facebook para reunir lembranças de Lock

Os alunos também usaram as redes sociais para expressar as saudades do amigo. Os colegas criaram um grupo no Facebook para reunir lembranças de Lock.
No grupo, os alunos postam fotos de momentos que tiveram com o amigo.

Os estudantes também aproveitaram o espaço online para postar mensagens contra o bullying
Os estudantes também aproveitaram o espaço online para postar mensagens contra o bullying.

Na última sexta-feira (11), a polícia anunciou que estava investigando uma série de comentários ofensivos compartilhados online.
Uma adolescente foi detida no sábado (12) por postar piadas com a morte de James Lock no Facebook.

A garota de 17 anos foi interrogada e liberada sob fiança. Um porta-voz da polícia disse ao veículo local WalesOnline que o público tem que se lembrar de sua responsabilidade e fazer comentários sobre mídias sociais dentro da lei.

— Mensagens ofensivas podem causar grande angústia e dano aos indivíduos e famílias que estão passando por períodos muito angustiantes em suas vidas.

A adolescente não teve a identidade revelada. A jovem foi presa com base em uma lei inglesa que proíbe o envio de mensagens com assuntos grosseiramente ofensivos por meio de redes de comunicação eletrônica.

 Fonte:noticias.r7.com

Seguir no Email