Header Ads

Image and video hosting by TinyPic
  • Breaking News

    Indiana exige que Justiça proíba pornô: 'meu marido virou viciado'



    Na Índia, uma mulher recorreu à ajuda do Supremo Tribunal com o fim de pedir ao governo do país que imponha uma proibição completa da pornografia online. Em seu apelo, a engenheira de Mumbai afirmou que ela tem sido vítima de violência doméstica e abusos sexuais devido ao fato do seu marido, de 55 anos, ser viciado em pornô online.

    "Meu marido virou viciado em pornô e passa muito de seu tempo precioso assistindo pornografia. Hoje em dia, os filmes pornô são acessados facilmente por toda a Internet e na sequência disso meu marido caiu nesse vício de ver vídeos, filmes e imagens pornográficas, o que tornou perversa a mente de meu marido e arruinou minha vida matrimonial", confessou a mulher na sua queixa.

    Ela exortou o Supremo Tribunal para que desse ordens firmes ao governo, visando bloquear todos os sites que contenham materiais pornográficos e projeção indecente de mulheres e crianças.

    A mulher revelou que ela estava preocupada com o impacto que o vício do marido pode produzir nos filhos, porém adiantou que eles são bem disciplinados.

    "Meu marido está em uma idade avançada, mas apesar disso ele perdeu o rumo ao se viciar em pornô, então imaginem o que este vício pode fazer às mentes inocentes de jovens e crianças do nosso país em geral", adiantou.

    Vale ressaltar que é proibido assistir ou distribuir pornô infantil na Índia, porém, a pornografia adulta é de acesso livre.



    Fonte:Noticias ao minuto

    Nenhum comentário

    Comente, opine com responsabilidade, violação dos termos não serão aceitos. Leia nossa Política de Privacidade.

    Post Top Ad

    Image and video hosting by TinyPic

    Post Bottom Ad