Crime eleitoral no Ceará: ônibus escolar é apreendido transportando eleitores

FOTO: DIVULGAÇÃO
No total, 21 passageiros estavam no veículo

O condutor do ônibus apreendido só tinha permissão para pilotar motocicletas

Um ônibus destinado a fazer transporte escolar, inscrito com as placas ORZ-0906, pertencente à Prefeitura de Alto Santo, na Região Jaguaribana, foi apreendido no fim da noite desta sexta-feira (03), no quilômetro 158, da BR-116, transportando eleitores e pessoas em tratamento contra câncer. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), 21 passageiros (17 adultos e quatro crianças) estavam no interior do veículo.

Alguns desses passageiros, que têm endereço fixo em Fortaleza, declararam que estavam indo para Alto Santo unicamente para votar, conforme a PRF. O condutor do ônibus, identificado como Rafael Oliveira Maia, era funcionário da prefeitura da Cidade. Ele só tinha permissão para pilotar motocicletas e mesmo assim, sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH) estava vencida desde 2008.

O juiz e o promotor de Justiça da comarca de Russas estiveram no local da ocorrência e acompanharam o desenrolar do caso até o encaminhamento do ônibus e do condutor à Delegacia Regional de Russas (DRS), onde um procedimento de flagrante delito foi lavrado. O delegado titular da DRS, Joanilson Albuquerque, entendeu que estava configurado um crime de improbidade administrativa, por estar sendo feito o uso de um transporte público para atender a interesses particulares.

Os passageiros do ônibus escolar foram acomodados em outro veículo e seguiram para Alto Santo. Por conta do horário em que o fato aconteceu, não foi configurado um crime eleitoral.

Fonte: Diário do Nordeste
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Comente, opine com responsabilidade, violação dos termos não serão aceitos. Leia nossa Política de Privacidade.

Procurar no Ceará em rede

Destaque

Agente de endemias vítima de assalto faz apelo a assaltante

"Por favor! Devolva o meu cartão de memória, nele contem fotos de meus filhos, pago 200 reais". Falou Carlos no programa Jornal a ...

Arquivo do blog