Ceará tem nove casos suspeitos de “urina preta"




Dados fornecidos pela Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa) informam o aumento do número de casos suspeitos da “mialgia aguda a esclarecer”, também conhecida como “doença da urina preta”, no Estado, em 2017. Até o momento, são nove registros de suspeita da enfermidade.

Antes, também em boletim da Sesa, o número de casos suspeitos eram cinco, e anteriormente, três pessoas apresentavam os sintomas da enfermidade.
Segundo o boletim, os números são referentes aos casos notificados entre os dias 5 e 26 de janeiro, com os primeiros sintomas dos pacientes sendo registrados em 18 de zembro de 2016 e o os últimos no dia 22 de janeiro.
Dos nove casos registrados, sete moram em Fortaleza, um em Salvador (BA) e outro em São Paulo (SP). Os pacientes apresentaram os seguintes sinais e sintomas: dores musculares intensas de início súbito, acometendo principalmente a região cervical, membros inferiores e superiores, mudança na tonalidade da urina (variando entre vermelho-escuro e castanho), elevações significativas nas dosagens da cretinofosfoquinase (CPK) e os níveis hepáticos (TGO e TGP).
Não houve relato de febre, cefaleia, artralgia ou exantema. Todos os pacientes evoluíram para cura após tratamento médico.

Investigação etiológica
As Secretarias de Saúde do Estado e do Município de Fortaleza estão monitorando a ocorrência e a investigação dos casos com objetivo de esclarecer a etiologia de tal evento, considerando também ocorrência similar na Bahia.
Foi realizada coleta de espécimes clínicos (fezes, urina e soro) em 77,7% (7/9) dos casos para pesquisa de enterovírus/outros patógenos e encaminhadas para a Fiocruz/RJ.
Amostras de soro foram encaminhadas ao LACEN/CE para diagnóstico diferencial de leptospirose, dengue e hepatite. Dentre os casos notificados, 88,8% (8/9) relatam consumo de peixe até 24 horas antes do início dos sintomas (resumo na próxima página).
Amostras de alimentos in natura também foram coletadas e encaminhadas para análise no Instituto Adolf Lutz/SP para investigação de metais pesados e aguardam resultado das análises.
Fonte: Cnews
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Comente, opine com responsabilidade, violação dos termos não serão aceitos. Leia nossa Política de Privacidade.

Procurar no Ceará em rede

Destaque

Agente de endemias vítima de assalto faz apelo a assaltante

"Por favor! Devolva o meu cartão de memória, nele contem fotos de meus filhos, pago 200 reais". Falou Carlos no programa Jornal a ...

Arquivo do blog