Operação contra fraudes em licitações cumpre 11 mandados e apreende R$ 260 mil na casa de prefeito no Ceará

Imagem meramente ilustrativa 

O Ministério Público do Ceará cumpre 11 mandados de busca e apreensão nesta quarta-feira (28) em uma operação contra fraudes em licitação e irregularidades em contratos de serviços de limpeza pública na cidade de Antonina do Norte, na região sul do Ceará. Durante a ação, os investigadores apreenderam mais de R$ 260 mil em dinheiro no quarto do prefeito de Antonina do Norte, Evandro Arrais, além de um cofre localizado na dispensa da residência dele. ​

O G1 entrou em contato com o prefeito Evandro Arrais, mas as ligações não foram atendidas.

Os mandados da "Operação Noteiras" estão sendo cumpridos nas sedes da Prefeitura de Antonina do Norte e de empresas nos municípios de Juazeiro do Norte e Crato, bem como na casa do prefeito, do secretário municipal de Obras, Antônio Neto da Silva, e de empresários.

​De acordo com a procuradora de Justiça Vanja Fontenele Pontes, coordenadora da Procuradoria de Justiça dos Crimes Contra a Administração Pública (Procap), há indícios da participação de agentes públicos e empresários da região que utilizariam empresas fantasmas para cometer os crimes.

A operação faz parte de um Procedimento de Investigação Criminal (PIC) da Procap e conta com o apoio dos promotores de Justiça da região do Cariri e do Departamento Técnico Operacional (DTO) da Polícia Civil do Estado do Ceará. ​Não há informações sobre prisões.

Fonte: G1/Ce
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Comente, opine com responsabilidade, violação dos termos não serão aceitos. Leia nossa Política de Privacidade.

Procurá no Ceará em rede

Facebook

Facebook
Siga-nos no Facebook

BTemplates.com

Seguir por Email

Sobre

Sobre
A única certeza que temos, é que nada somos mediante o cosmos

Internet Fibra Óptica

Internet Fibra Óptica
GPnet - Internet de Alta performance

Siga por Email

Twitter Ceará em Rede

Parceiro

Notícias de Sobral

Destaque

Estagiária é presa suspeita de vazar informações sigilosas da Justiça do Ceará para traficantes

Fonte: G1/ Ce Uma estudante de direito, de 22 anos, é suspeita de repassar informações da polícia e da Justiça para uma quadrilha envolv...

Arquivo do blog