Header Ads

Image and video hosting by TinyPic
  • Breaking News

    Justiça condena a 16 anos de prisão procurador que matou o delegado Cid Júnior


    Após 13 horas de sessão, o Conselho de Sentença do Tribunal do Júri da Comarca do Eusébio (Região Metropolitana de Fortaleza), condenou a 16 anos de prisão o procurador de Justiça aposentado, Ernandes Lopes Pereira. Ele é acusado de ter assassinado um delegado da Polícia Civil do Ceará. O crime ocorreu há nove anos. A defesa do réu recorreu contra a sentença e ele permanecerá em liberdade até o julgamento do recurso pelo Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE).

    O crime ocorreu em agosto de 2008. O procurador foi preso em flagrante logo após disparar um tiro de pistola na cabeça do delegado Cid Júnior Peixoto do Amaral, que, na época, era o titular do 19º DP (Conjunto Esperança). Desde então, Ernandes alega que o crime não foi intencional, que sua pistola disparou acidentalmente e atingiu o amigo.

    O inquérito policial chegou à Justiça 10 dias após o assassinato do delegado e se transformou em um processo que tramitou com um vai-e-vem de recursos judiciais da defesa e da acusação. Somente nove anos depois, o procurador sentou no banco dos réus e seus advogados continuaram sustentando a tese de um disparo acidental.

    Desembargador

    Várias testemunhas e informantes foram ouvidos ontem durante a sessão de julgamento. Uma perita da Pefoce prestou esclarecimentos, assim como um ex-motorista do acusado do acusado do crime. No total, seis testemunhas foram ouvidas em plenário pelo presidente da sessão, juiz de Direito Henrique Botelho Romcy. Entre eles, o irmão do delegado assassinado, o desembargador Jucid Peixoto do Amaral. 

    Logo após ser anunciado o veredito, o advogado de defesa do procurador, Maurício Pereira, anunciou que iria recorrer contra a decisão do Júri. Por conta disso, o réu deve permanecer em liberdade até o julgamento do recurso.

    Fonte: Jornalista Fernando Ribeiro

    Nenhum comentário

    Comente, opine com responsabilidade, violação dos termos não serão aceitos. Leia nossa Política de Privacidade.

    Post Top Ad

    Image and video hosting by TinyPic

    Post Bottom Ad