Suspeito de traficar anabolizantes é preso em Vitória

Fonte: G1

Um homem de 39 anos foi preso nesta terça-feira (8), em Vitória, suspeito de traficar anabolizantes e falsificar receitas médicas.

A prisão foi realizada pela equipe da Delegacia Especializada de Crimes de Defraudações e Falsificações (Defa) na casa do suspeito, no bairro Jardim Camburi.

No local, foram apreendidas 15 caixas do medicamento chamado Durateston, além de seringas e algumas receitas falsificadas.

“Ele falsificava as receitas médicas para comprar os anabolizantes em farmácias de Vitória e assim revendê-los e usá-los também”, explicou a titular da Defa, delegada Nicolle Perúsia.

A delegada informou que essa não é a primeira vez que o homem é detido. “Ele foi preso em 2018 pelo crime de furto”,disse.

O suspeito foi atuado pelo crime de falsificação de documento particular, farmacêutico ou medicinal e por tráfico de anabolizantes.

Foi encaminhado para o Centro de Triagem de Viana (CTV), onde permanece à disposição da Justiça.

Sobre o medicamento

Durateston é um remédio utilizado durante o tratamento de reposição de testosterona em homens com distúrbios hipogonadais primários ou secundários.

Este medicamento está disponível em farmácias na forma de injeção, que deve ser administrada por um profissional de saúde.


Fonte: G1

Share:

Para matar casal, inquilinos atraíram idosos alegando vazamento na pia de imóvel

Fonte: G1

O responsável pela investigação do assassinato do casal de idosos de Colorado do Oeste (RO), delegado Núbio Lopes, afirmou nesta quarta-feira (8) que o os inquilinos suspeitos do crime atraíram as vítimas até o local alegando um vazamento na pia do imóvel.

Os corpos de Dionélia Giacometti Mai e Eldon Mai foram localizados na terça-feira (7), enterrados perto de uma rodovia na cidade de Chupinguaia (RO). Os suspeitos do brutal assassinato, um homem e uma mulher, foram presos tentando fugir no carro das vítimas.

Segundo o delegado da Polícia Civil, Dionélia foi a primeira a ser morta pelos inquilinos, no domingo (5). Ela estava sozinha em casa na manhã daquele dia.

"O suspeito convidou a senhora para ir até o imóvel locado [aos fundos de onde as vítimas moravam] alegando que havia um vazamento na pia. Ele sabia que a senhora era muito atenciosa. Quando Dionélia entrou na casa para ver o suposto vazamento, o homem a atacou com um cabo de enxada e desferiu um golpe em sua nunca", afirma o delegado Núbio.

Após a vítima cair no chão, o suspeito rasgou uma camiseta e amordaçou a vítima. A idosa então começou a se debater e tentou gritar, segundo a polícia.

"Ele então pegou uma pequena corda, deu a volta no pescoço de Dionélia e a estrangulou. Depois ele foi até a casa da vítima, vasculhou bolsas e cômodos atrás de cartões de crédito, débito e dinheiro", conta Núbio.

Por volta de 15h, o marido de Dionélia chegou em casa e, usando o mesmo método, o suspeito convida Eldon para ir até o imóvel verificar o vazamento na pia. "Quando o idoso entrou, também foi golpeado na nuca pelo cabo de enxada", revela o delegado.

Depois de matarem o casal de idosos, que eram dentistas e pioneiros em Colorado do Oeste, os suspeitos transportaram os corpos até Chupinguaia e lá os enterraram em covas separadas.

Descoberta do crime

No mesmo domingo a família sentiu falta de Dionélia e Eldon. Foi notado também que o veículo do casal havia sumido e então os parentes avisaram a polícia.

Na terça-feira, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) abordou um veículo com três pessoas, um homem, uma mulher e uma criança. O automóvel estava em nome de Dionélia e, ao ser questionado pelos agentes, o motorista confessou ter matado o casal de idosos para roubá-los.

Os inquilinos ainda levaram os agentes até o local onde enterraram Dionélia e Eldon, em Chupinguaia. O primeiro corpo a ser encontrado foi o de Dionélia.

Os suspeitos receberam voz de prisão por latrocínio e foram levados para a delegacia de Polícia Civil. Já a criança deles foi entregue ao Conselho Tutelar.


Fonte: G1





Share:

Em 2020 Testemunhas de Jeová terão seu primeiro Congresso Virtual - Não Perca a Alegria

Ilustração Congresso 2020
Congresso Mundial das Testemunhas de Jeová 2020
 

Milhões de pessoas assistirão à série mundial de congressos “Não Perca a Alegria!”, das Testemunhas de Jeová.

A partir do dia 11 de julho, terá início a serie Mundial de congressos das Testemunhas de Jeová, evento anual que em 2020 terá o tema "Não Perca a Alegria".

Diferente dos anos anteriores, quando grandes reuniões como essa foram realizadas em estádios, ginásios e outros auditórios, o programa do congresso deste ano será postado no site jw.org (página oficial das Testemunhas de Jeová). Assim, pessoas do mundo todo poderão assistir — de suas próprias casas — aos discursos, entrevistas, vídeos e a um filme de duas partes, baseado em uma história da Bíblia. 

     Imagem Congresso virtual 2020 - JW.ORG

Alex Moura, porta-voz das Testemunhas de Jeová, explica que “numa época em que muitos têm ficado tristes pela perda de pessoas queridas e ansiosos devido às dificuldades financeiras e incertezas quanto ao futuro, é possível desenvolver e demonstrar a alegria que pode durar para sempre.” 

Dentre os pontos altos do evento, estarão discursos que demonstrarão como a verdadeira felicidade se torna possível quando indivíduos aplicam em suas vidas os princípios contidos na Bíblia. Haverá também conselhos bíblicos destinados às famílias, destacando o amor e a valorização do outro como aspectos essenciais para um convívio alegre. Além disso, “serão exibidos vídeos, retratando cenas da criação que dão provas convincentes de que Deus quer que sejamos muito felizes”, declarou Alex Moura. 

O início dos posts se dará em 11 de julho. A cada semana, serão divulgadas no site as diversas sessões do congresso. Para assistir, acesse o site jw.org, procure por Congressos 2020 e veja o vídeo de cada sessão.



Estatísticas de 2019 sobre as Testemunhas de Jeová:


  • 8.683.117    Testemunhas de Jeová no mundo todo
  • 240              Países onde há Testemunhas de Jeová 
  • 119.712       Congregações das Testemunhas de Jeová no Mundo todo
  • 20.919,041 Total de presentes às reuniões das Testemunhas de Jeová no mundo todo
  • 1.021           Idiomas do jw.org, site oficial das Testemunhas de Jeová


 

 

Alex Oliveira de Moura

WhatsApp e contato:  (85) 98814-3425

 Porta-voz regional das Testemunhas de Jeová

Share:

Congresso Regional das Testemunhas de Jeová 2020

Não perca a alegria

Diante da atual pandemia, Testemunhas de Jeová realizam congresso on-line histórico!


A série anual de congressos das Testemunhas de Jeová vai começar neste ano de uma maneira bem diferente. 


No mundo inteiro, todos poderão assistir ao programa do evento simultaneamente e sem sair de casa! Isto porque a partir de 11 de julho, as sessões do congresso começarão a estar disponíveis no site jw.org. 

Diante das dificuldades causadas com a atual pandemia de Covid-19 e outros problemas observados no mundo inteiro, o tema escolhido para o congresso de 2020 foi “Não Perca a Alegria!”

O objetivo é ajudar as pessoas a perceberem as razões que elas têm para serem felizes. Além disso, o evento demonstrará como desenvolver a alegria que vem de Deus, continuar alegres apesar de problemas e como externar essa alegria a outros.

Programa - O programa, composto de mais de 50 partes envolvendo discursos, leituras
Congresso on-line Não perca a alegria
dramatizadas, entrevistas e vídeos curtos será dividido em seis sessões. 


Nas duas primeiras sessões, uma série de discursos mostrará como obter a verdadeira felicidade; como a alegria dos membros da família pode aumentar com amor e valorização do outro; e como a natureza dá provas convincentes de que Deus deseja que todos sejam muito felizes.


As sessões do segundo dia apresentarão as maneiras da Bíblia ajudar as pessoas a se manterem alegres, à medida que procuram fazer a vontade de Deus. Além disso, será exibida a primeira parte de um filme bíblico com o tema “Neemias — ‘A Alegria de Jeová É a Força de Vocês’”.

Já nas duas últimas sessões, haverá uma série de discursos com vídeos que irão demonstrar como se pode enfrentar problemas e oposição sem perder a alegria.  Um discurso com o tema “Como conseguir riquezas que vão durar para sempre?” irá considerar que tipo de riquezas Deus promete para as pessoas e de que forma se pode obtê-las. Na parte final do congresso, ocorrerá a exibição da segunda parte do filme de Neemias. Em cada dia, os programas da manhã e da tarde terão início com vídeos musicais preparados especialmente para esse congresso.

Como acessar - As Testemunhas de Jeová têm obedecido às orientações das autoridades governamentais e órgãos de saúde desde o início da pandemia de Covid-19. Por isso, começaram a realizar suas reuniões semanais através de plataformas virtuais. Com relação ao congresso, a solução encontrada foi disponibilizar o programa semanalmente através do site jw.org a partir de 11 de julho. As sessões, que nos anos anteriores costumavam ocorrer em períodos de manhã e tarde, entre sexta-feira e domingo, estarão disponíveis de acordo com o cronograma: 

11/jul: Manhã - sexta-feira

18/jul: Tarde - sexta-feira

1.º/ago: Manhã - sábado

08/ago: Tarde - sábado

22/ago: Manhã - domingo

29/ago: Tarde - domingo

 

O programa completo do evento pode ser encontrado no site jw.org/pt/biblioteca/livros/programa-congresso-2020/.

Alex Oliveira de Moura

WhatsApp e contato:  (85) 98814-3425

 Porta-voz regional das Testemunhas de Jeová 



Fonte: Porta-voz local - Das testemunhas de Jeová.


Share:

Nuvem de gafanhotos segue na Argentina, mas governo local 'perde' a localização dos insetos

Fonte: G1

A nuvem de gafanhotos segue em território argentino e não há previsão, até o momento, de que os insetos chegarão ao Brasil, segundo os governos dos dois países.

Nuvem de gafanhotos: que se sabe até agora

De acordo com o último boletim do Serviço Nacional de Saúde e Qualidade Agroalimentar argentino (Senasa), divulgado na noite de quinta-feira (25), a nuvem está na província de Corrientes, mas não é possível saber a localização exata dos insetos porque a área é de "difícil acesso, com poucas estradas".

"Devido às baixas temperaturas, estimamos que ela não se moveu, pelo menos a grandes distâncias", afirma o Senasa.

O governo argentino disse que está preparado para fazer o controle dos insetos na região, se for necessário. A província tem um avião pulverizador disponível para isso.

"Nesse sentido, solicitamos aos produtores da área que entrem em contato com a Senasa se tiverem informações sobre a praga."

Ministério divulga orientações e monitora

No Brasil, o Ministério da Agricultura afirmou na noite de quinta-feira que o monitoramento feito pelo governo indica que "até o momento, estão mantidas as previsões sobre a rota da nuvem de gafanhotos, que não entrou em território brasileiro".

"De acordo com os dados meteorológicos para a Região Sul do Brasil, previstos para os próximos dias, é pouco provável - até o presente momento - que a nuvem avance em território nacional. Caso isso ocorra, será feito um monitoramento interno para o acompanhamento da evolução do evento."

A expectativa é que os insetos migrem para o Uruguai. O ministério, que declarou emergência fitossanitária em função da nuvem, disse que as equipes técnicas do Rio Grande do Sul, Paraná e de Santa Catarina estão em alerta e monitorando o avanço dos gafanhotos.

Por fim, a pasta divulgou um manual técnico com orientações sobre as ações de controle da praga, "com respaldo científico", para eventual surto da praga no país. O manual pode ser acessado clicando aqui.

Memes e reação nas redes

A notícia de que a nuvem não deverá entrar no Brasil gerou piadas e memes nas redes sociais nos últimos dias.

Como não poderia deixar de ser, os usuários lembraram da crise vivida pelo novo coronavírus no país para comemorar a permanência da nuvem de gafanhotos na Argentina.


Fonte: G1



Share:

Caso Miguel: 'Ainda não consegui parar para viver o luto do meu filho', diz mãe de criança que caiu de prédio no Recife

Fonte: G1

“Esses dias sem Miguel estão sendo bem difíceis. Eu ainda não consegui parar para viver o luto do meu filho”. A declaração é da empregada Mirtes Renata Santana, que perdeu o filho Miguel Otávio, de 5 anos, depois que a criança caiu, no dia 2 de junho, do 9º andar do condomínio de luxo em que ela trabalhava, no Centro do Recife.

Veja como foi a morte do menino que caiu de prédio no Recife
Caso Miguel Otávio: confira quem é quem no caso

A criança estava sob os cuidados da primeira-dama de Tamandaré e ex-patroa de Mirtes, Sari Corte Real, quando caiu de uma altura de 35 metros, segundo a perícia. Em meio a investigações, documentos e protocolos judiciais, Mirtes relatou que espera se sentir aliviada após o desfecho do caso.

"Durante o dia é um pouco tranquilo, só que à noite é o horário que mais dói. Não tem mais ele pedindo ‘gagau’, que era de lei todos os dias. Me dói muito olhar para a cama dele e ele não estar ali. Só espero que tudo isso se resolva o mais rápido possível e que eu possa parar um pouco para viver o luto do meu filho”, disse.

“Não sei como é que vai ser minha vida sem meu ‘neguinho’. Todos os meus planos, todos os meus sonhos morreram junto com ele. Quando Miguel morreu, a minha vida acabou ali, foi destruída. Não só a do meu filho, mas a minha e a da minha mãe também”, afirmou Mirtes.

A rotina sem o filho provoca saudade a cada lembrança. "Eu precisei ir na lotérica pagar as contas de casa e vinha subindo [a ladeira] e lembrando de Miguel, quando subia essa ladeira comigo. Sempre batia no portão de alumínio de um vizinho que mora lá embaixo. E o nosso vizinho dizia 'vou lhe pegar' e ele dizia 'pega nada'”, relatou, emocionada.

“Acordar sem ter o neguinho, olhar para dentro de casa e não ter ele... Não tá dando, não. Não tá dando, não”, contou a mãe de Miguel.

Segundo Mirtes, o filho tinha o sonho de andar de barco. “Meu filho foi embora e não realizou o sonho dele de andar de barquinho. Das poucas vezes que ele foi no apartamento, ele via os pescadores e me dizia ‘mamãe, eu quero andar de barquinho’”, relatou.

“Tanta coisa que eu planejei pra o futuro do meu filho, o meu, da minha mãe.... E tudo isso acabou naquele dia. Sari acabou com a vida do meu filho e com a minha”, disse.

Um vídeo divulgado no dia seguinte à queda da criança revelou como o menino chegou até o 9º andar do edifício. Miguel entrou no elevador de serviço, e a patroa da mãe aperta o botão que leva à cobertura. Sozinho, ele apertou vários botões. Parou primeiro no sétimo andar, mas não desceu. Subiu mais dois andares, saiu e abriu uma porta. Apenas um minuto depois, ele caiu no térreo (veja vídeo acima).

As câmeras de segurança também registraram que, antes de subir sozinho, Miguel entrou outras quatro vezes nos elevadores e foi convencido por Sari a sair.

Sari foi autuada em flagrante por homicídio culposo, quando não há intenção de matar, e pagou fiança de R$ 20 mil para responder ao processo em liberdade. Em nota, o advogado afirmou que a ex-patroa de Mirtes aguarda a intimação para depor e que ela está profundamente abalada e que é solidária ao sentimento da família.

Investigações

Na sexta (12), a Polícia Civil ouviu depoimentos de Tomaz Silva, gerente de operações do Pier Maurício de Nassau, edifício onde ocorreu o acidente; e de Eliane Lopes, manicure que estava no apartamento de Sari no momento em que Miguel caiu.

O ex-síndico do prédio e o porteiro foram ouvidos na quarta-feira (10). Na ocasião, o ex-síndico Carlos Lopes relatou que o prédio seguia todas as normas de segurança.

Na segunda-feira (8), os peritos voltaram ao prédio e foram categóricos: “Foi acidental”, disse o perito criminal André Amaral, do Instituto de Criminalística de Pernambuco. A Polícia Civil informou que deve se pronunciar sobre o caso ao final das investigações. O inquérito tem duração de 30 dias, podendo ser prorrogado pelo mesmo período.



Fonte: G1
Share:

UFMG planeja comissão para estudar prejuízos com incêndio no Museu de História Natural

Fonte: G1

A Universidade Federal de Minas Gerais deve montar uma comissão de professores e especialistas para avaliar os prejuízos após um prédio pegar fogo na manhã desta segunda-feira (15) no Museu de História Natural e Jardim Botânico, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Ninguém se feriu. O incêndio começou por volta das 6h30 e destruiu a edificação. O tradicional Presépio do Pipiripau não foi atingido.

O incêndio foi debelado rapidamente, mas o trabalho de rescaldo precisou ser lento para preservar o acervo, formado por mais de 260 mil itens, entre peças e coleção científica de plantas e reserva vegetal.

"A gente não tem muita informação sobre o alcance e as perdas que o incêndio vão ocasionar. O momento é aguardar a ação dos bombeiros. O que foi afetado é uma parte do prédio central da administração, principalmente três salas da reserva técnica onde ficam as coleções que não estão em exposição, afetou uma parte muito importante do museu mas a gente só vai ter a dimensão depois que a perícia acontecer",

explicou a professora Mariana Lacerda, diretora do museu.

A UFMG informou que deve ser criada uma comissão de professores e especialistas para avaliar prejuízos.

"Segundo o segurança no turno das cinco horas da manhã, ele fez uma ronda e não havia incêndio. Às 5h30, os barulhos do vidro de uma das janelas estourando ele percebeu que o incêndio tinha dado início", comentou o tenente Lobo, do Corpo de Bombeiros.

Ainda de acordo com o militar, a chamada foi recebida pelos bombeiros por volta das 6 horas da manha. O combate às chamadas durou em torno de 30 minutos. Depois que o incêndio foi controlado, começou outro desafio: preservar parte do acervo atingido pelo fogo.

O rescaldo é demorado devido às substâncias e ao material, na tentativa de se preservar o acervo do museu, informou o bombeiro.

História e natureza convivem nos 600 mil metros quadrados do museu da UFMG. A vegetação de mata Atlântica divide espaço com especies exóticas e mais de 265 mil itens de diversas áreas do conhecimento.

São as coleções da paleontologia, arqueologia e parte da biologia também, algum acervo ligado a zoologia. A gente vai saber qual foi o alcance depois que a perícia for feita. A área atingida pelo fogo vai ser periciada pela a Policia Federal. Peritos e investigadores vão apurar as causas do incêndio.

Presépio do Pipiripau

Em meio à tristeza, um alento: o Presépio do Pipiripau, um dos acervos mais famosos do museu, não foi atingido pelo fogo - o prédio que foi afetado fica distante.

"Agora é hora de arregaçar as mangas, fazer o que precisa ser feito, entender a situação,todos os pesquisadores e cientistas estão envolvidos e comprometidos com uma etapa que vai ser de recuperar e entender qual foi o dano causado", ressaltou a diretora Mariana Lacerda.


Fonte: G1
Share:

Polícia da Indonésia prende 33 suspeitos de invadir hospitais para roubar corpos de vítimas da Covid-19

Fonte: G1



Alguns hospitais da Indonésia tiveram que reforçar a segurança dos necrotérios após uma série de incidentes de corpos de pessoas mortas pela Covid-19 roubados por parentes que queriam enterrá-los de acordo com os ritos tradicionais, informou a polícia nesta sexta-feira (12).

Trinta e três pessoas foram presas esta semana depois de invadirem vários hospitais em Makassar, na ilha de Celebes, e conseguirem remover à força os corpos que seriam enterrados de acordo com os regulamentos de saúde para impedir a propagação do vírus.

Indonésia tem recorde de casos de Covid-19 em pleno desconfinamento

Parentes ou amigos próximos queriam recuperar os corpos das vítimas do vírus para enterrá-los "normalmente", disse à AFP um porta-voz da polícia local, Ibrahim Tompo.

Essas pessoas consideram os enterros feitos pelas autoridades "desumanos", uma vez que as famílias não estão autorizadas a ver ou tocar os corpos.

De acordo com os regulamentos ambientais do país, os corpos das vítimas do vírus devem ser embrulhados em plástico e rapidamente enterrados para evitar qualquer contaminação.

Isso significa que os ritos funerários praticados pelos muçulmanos no arquipélago, como a lavagem completa do corpo pelos parentes, não podem ser respeitados.

Nos cemitérios, as famílias devem se despedir rapidamente da vítima e não têm tempo para realizar seus ritos ou orações.

A Indonésia, o maior país muçulmano do mundo, tem mais de 36 mil pessoas infectadas com o coronavírus e mais de 2 mil mortes pela Covid-19.

No entanto, os cientistas consideram que as estatísticas são altamente subestimadas, pois o país tem uma das menores taxas de teste do mundo.

Fonte: G1
Share:

Milícias expulsam moradores de casa em Itaboraí, Magé e Rio e colocam imóveis à venda

Fonte: G1

Moradores de Itaboraí, na Região Metropolitana, de Magé, na Baixada Fluminense, e do Rio estão sendo expulsos por milicianos de suas próprias casas. O grupo toma conta dos imóveis e os põe à venda.

Em Itaboraí, moradores dizem que vivem uma crueldade sem limites imposta pelos criminosos. "Foram dezenas de moradores expulsos de suas casas e alguns dos seus comércios, por não terem dinheiro para pagar as taxas impostas pela milícia. Esses covardes acabaram com a minha vida e a vida da minha família", contou um morador.

Outra c. "Chefe da milícia foi em minha casa por duas vezes junto com os capangas deles. Me obrigaram a pagar tal taxa e falaram que era de segurança das milícias. E por eu não ter o dinheiro para pagar, eles me expulsaram de casa junto com meus filhos, com a roupa do corpo", contou a vítima.

No bairro da Lagoa e na Vila Nova, em Magé, os milicianos também estão expulsando as famílias e se declaram donos dos imóveis.

"Botam os moradores para correr, para ir embora. Ameaçam de morte: 'vai matar a família toda'. E aí, as pessoas ficam com medo e acabam indo embora porque não tem outro meio, não tem nem a quem recorrer", reclama um morador de Magé.

Segundo as vítimas, os milicianos agem tarde da noite. "Essa abordagem é feita de uma forma muito simples. Eles vão até a sua casa, de preferência à noite, e falam que você tem tipo 24, 48 horas para sair de dentro de casa. E aí, a pessoa entra em desespero e sai. Porque vai fazer o que? Vai pagar para ver? E avisa: 'se vocês não saírem, vai morrer todo mundo', diz um morador.

Na capital, a milícia controla grandes áreas da Zona Oeste. Em Pedra de Guaratiba, expulsou uma família e colocou a casa de posse, no valor de R$ 40 mil à venda. E ficam com o dinheiro.

"Eles acabaram com minha vida e de minha família. Hoje, meus filhos e eu vivemos na casa de um e de outro porque não temos onde morar", contou a vítima.

A Polícia Militar disse que faz operações sempre que recebe denúncias. E que os canais para essas denúncias estão abertos.

Já a Polícia Civil disse que investiga a ação de milícias no rio. Mas que essas investigações correm em sigilo.


Fonte: G1
Share:

'Estamos enterrando mais de 75 por dia', diz coveiro de cemitério de SP que recebe vítimas de Covid-19

Fonte: G1

Eles não gostam de serem chamados de coveiros, mas, sim, de sepultadores. São os profissionais contratados pela Prefeitura de São Paulo, servidores que enterram os mortos nos cemitérios públicos municipais. Apesar de terem ingressado no cargo por concurso público, eles se sentem desvalorizados pela profissão que escolheram, em especial, em tempos de pandemia de coronavírus, que já deixou mais de 3,7 mil mortos no estado e 11 mil no país.
Na capital paulista, um dos cemitérios municipais que mais recebe vítimas de Covid-19 é o da Vila Formosa, na Zona Leste da capital, o maior cemitério da América Latina. No terreno foram abertas 8 mil valas e foi designado, pela Prefeitura da capital, como o "centro de logística para os mortos por coronavírus".


O local ficou conhecido internacionalmente após estampar a capa do jornal norte-americano "Washington Post" com uma imagem aérea que mostrava uma imensidão de covas abertas e, em 30 dias depois, todas ocupadas e fechadas.

Só em abril deste ano, o número de enterros subiu 18% na cidade de São Paulo, em comparação com o mesmo período de 2019: foram enterrados no mês 6.171 pessoas, segundo o Serviço Funerário, da Prefeitura. Só no Vila Formosa enterradas 1.654 pessoas em abril.

A reportagem do G1 conversou com alguns dos 30 sepultadores da unidade, que pediram para não ser identificados.

Segundo eles, apesar de tomarem todos os cuidados para evitarem a contaminação pelo vírus, o medo está presente no trabalho no dia a dia.

"Estamos enterrando mais de 75, 80 pessoas por dia, vítimas de coronavírus a maioria. Antes disso tudo, eram entre 20 e 30 enterros, no máximo. Começamos cedo, antes das 7h, e vamos até as 19h, 20h, se precisar. Trabalho não para nunca", diz João (nome fictício), um sepultador do Vila Formosa, que tem 44 anos e há 22 atua como servidor municipal nesta carreira.

"Tomamos todos os cuidados, mas nem sempre temos equipamentos de proteção para todo mundo. EPI (Equipamento de Proteção Individual) está escasso. Máscara, não tem sempre. Luva, eu mesmo comprei uma caixa de luvas plásticas descartáveis e uso as minhas. Gastei R$ 100 do meu próprio bolso para me proteger e proteger minha família", diz o profissional.

Para ser sepultador municipal, é necessário prestar al. A prova tem 50 questões, incluindo matemática, português e conhecimentos gerais, como história e geografia. João disse ter escolhido a profissão quando, desempregado e jovem, iria se casar e buscava estabilidade financeira, já que, como concursado, não pode ser demitido.

O salário inicial da carreira varia de R$ 775 a R$ 1.100, podendo chegar até R$ 1.500. João Batista, diretor do Sindicato dos Servidores Municipais de São Paulo (Sindesp), reclama, porém, que a Prefeitura realizou um contrato emergencial para contratar uma empresa com mais 200 sepultadores durante a pandemia, devido à falta de funcionários, e pagando R$ 1.700 para os terceirizados, mais do que os próprios servidores recebem.

"Eu gosto da minha profissão, pena que não é valorizada. Todos nós aqui gostamos, mas é muito complicado, nos sentimos intimidados neste momento em que todos precisam da gente. Se falo no que trabalho para alguém, me olham de forma estranha, receosa", diz Manuel, outro coveiro do Vila Formosa, que também pediu para não ser identificado pelo nome verdadeiro.

A cidade de São Paulo, segundo o Sindesp, tem cerca de 200 sepultadores, sendo que o necessário seriam no mínimo 350. O último concurso municipal para a categoria foi em 2011 e, desde então, muitos se aposentaram na carreira.

Em média, há 5 sepultadores por cemitério; alguns maiores, como o Vila Formosa, possuem maior número de profissionais, que se revezam no serviço.

"Os cemitérios municipais são divididos em jazigos, que são os túmulos, e os de jardins, onde se enterra mais o povão. Os maiores de jardins são o Perus, o Cachoeirinha e o Vila Formosa (que são dois lá dentro, o Vila Formosa 1 o Vila Formosa 2). No cemitério, o trabalho é de um dia abrir cova, no outro, fechar. E também tem os dias de exumação", explica João, diretor do sindicato da categoria

"O salário destes profissionais está congelado faz tempo, não temos reajuste e ainda se sentem desvalorizados. São trabalhadores essenciais, que saem de suas casas todos os dias e se colocam em risco, e os deputados e senadores nem olham pra eles. Queremos que isso mude", diz o diretor sindical.

Medo

João, que é sepultador há mais de 20 anos, tem dois filhos, um casal, de 15 e 10 anos. Ao G1, ele relatou ter medo de contaminar os filhos com a doença e que, por isso, tenta de todas as formas prevenir.

"Eu tomo banho aqui no cemitério, antes de sair, e também tomo outro banho assim que chego em casa. Tiro toda a roupa na lavanderia assim que chego em casa e deixo lá. Mesmo assim, estamos na linha de frente, estamos expostos. É um trabalho cansativo, que fica pior com essa situação", diz o sepultador.

Plano de Contingência

Com o aumento no número de mortes na capital, em decorrência da pandemia de coronavírus, a administração municipal aumentou a capacidade de enterros e elaborou um Plano de Contingência do Serviço Funerário.

São Paulo abriu 13 mil novas valas e comprou novas câmeras refrigeradas que podem armazenar temporariamente até mil corpos por dia para atender o crescente número de mortes provocadas pela pandemia de coronavírus. As 13 mil valas foram abertas nos cemitérios: Vila Formosa (cerca de 8 mil), Vila Nova Cachoeirinha (cerca de 2 mil), São Luís (cerca de 3 mil).

A capacidade de enterros foi ampliada para 400 por dia. A média histórica diária de sepultamentos é de cerca de 240 por dia no período de verão. Nos meses de inverno, esse número chega a 300 por dia.


Fonte: G1
Share:

Recém-nascida de 18 dias é salva por policiais após se engasgar com saliva na Grande Fortaleza

Fonte: G1/ Ce

Equipes do Batalhão de Polícia de Trânsito Urbano e Rodoviário Estadual (BPRE) salvaram a vida de uma recém-nascida de 18 dias que se engasgou com saliva e desmaiou. O caso aconteceu no município de Maranguape, Grande Fortaleza, e foi divulgado pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) nesta segunda-feira (11).

Conforme a SSPDS, o 1° sargento Antonildo Júnior e o soldado Frederico Barbosa estavam em um Posto de Fiscalização Fiscal (PFF), na tarde da última sexta-feira (8), quando os pais da criança chegaram local pedindo ajuda para a bebê, que apresentava sinais de asfixia ao regurgitar.

O soldado Frederico iniciou o atendimento de primeiro socorro, enquanto o sargento Júnior acionou a ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e acalmou a família.

Segundo o sargento Júnior, depois de algumas manobras a criança apresentou reação. “Enquanto o soldado Frederico realizava o atendimento, eu tentava acalmar a mãe, o pai e também a outra filhinha do casal. Foi aí que eu percebi que a criança começou a mexer a mãozinha, abrindo e fechando os dedos e voltando às cores normais em seu rosto”, afirma.

Os socorristas do Samu avaliaram a recém-nascida, que não apresentou nenhuma complicação e foi liberada em seguida.

Para Daniele Barbosa, mãe da Vitória, o socorro rápido dos agentes foi fundamental para salvar a vida da filha. “Eu queria agradecer, porque foi um momento muito desesperador, mas a situação foi rapidamente revertida por eles. Graças a Deus, com a ajuda dos policiais, nada de grave aconteceu à Vitória. Quando os paramédicos chegaram foi somente para atestar que ela estava bem. Foi Deus que colocou esses anjos no nosso caminho”, agradeceu.

Os policiais receberam ainda um áudio enviado em um aplicativo de mensagens com agradecimentos da irmã de Vitória, Lara Gabriela, de sete anos. “Policiais, obrigada por vocês salvarem a minha irmãzinha. Eu agradeço muito e desejo saúde para as filhinhas e filhinhos de vocês. Que Jesus abençoe. Vou orar por vocês”, disse a irmã.


Fonte: G1/Ce


Share:

Ex-presidiário que recebeu alta de hospital após sofrer tentativa de homicídio é morto a tiros em Fortaleza

Fonte: G1/ Ce



Um ex-presidiário que tinha recebido alta recentemente do hospital após sofrer uma tentativa de homicídio foi morto a tiros na noite desta segunda-feira (4), no Bairro Siqueira, em Fortaleza

De acordo com testemunhas, a vítima estava sentada em frente a uma borracharia com mais quatro pessoas, quando foi surpreendida por suspeitos armados que chegaram atirando. Ele morreu no local. As outras pessoas conseguiram sair a tempo e não foram atingidas.

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) vai investigar o caso. Os suspeitos do crime são procurados pela polícia.


Fonte: G1/ Ce
Share:

Idoso perde o controle do carro, invade calçada e atropela cinco pessoas no interior do Ceará

Fonte G1/ Ce

Cinco pessoas, entre elas dois guardas municipais, foram atropelados por um idoso que perdeu o controle do carro e invadiu uma calçada na Rua Pedro II, no município de Crateús, interior do Ceará. O caso aconteceu na manhã desta segunda-feira (4), por volta das 7 horas.

Conforme o inspetor Gomes, Comandante da Guarda Municipal, no momento do acidente os agentes estavam monitorando as áreas bancárias da cidade, que estão recebendo pessoas de municípios vizinhos e havia uma fila de pessoas próximo a uma casa lotérica, por conta do auxílio emergencial que está sendo entregue pelo Governo Federal.

Durante o acidente, um homem do distrito de Sucesso, uma mulher do distrito de Açude Realejo e um vendedor ambulante que estava em uma banca de condimentos também foram atropelados pelo veículo.

Segundo o inspetor Gomes, o condutor do carro é septuagenário, tem problemas cardíacos e estava vindo sozinho da cidade de Poranga para fazer hemodiálise em Crateús.

O idoso foi conduzido pela Guarda Municipal para o Hospital São Camilo, onde foi feito o teste do bafômetro, que deu negativo. Após o procedimento, ele foi levado para a delegacia e depois encaminhado para hemodiálise. Familiares dele compareceram a unidade de polícia.

Vítimas

Um dos agentes, identificado como Wescley, teve fratura no crânio, foi socorrido consciente e está internado no Hospital São Lucas. O estado de saúde dele é estável

O morador do distrito de Sucesso também sofreu fratura no crânio, foi atendido e recebeu alta. A mulher do distrito de Açude Realejo teve fratura no braço.

Já o outro guarda municipal e o vendedor ambulante tiveram apenas escoriações leves.


Fonte: G1/ Ce
Share:

Moro diz que apresentará provas de tentativas de interferência de Bolsonaro na Polícia Federal

Fonte: Google

O ex-ministro da Justiça Sergio Moro disse em entrevista à revista "Veja" que vai apresentar ao Supremo Tribunal Federal (STF) provas de que o presidente Jair Bolsonaro tentou interferir na Polícia Federal.

Moro também afirmou que o procurador-geral da República, Augusto Aras, tentou intimidá-lo ao colocá-lo como investigado no inquérito que investiga as acusações feitas pelo ex-ministro contra o presidente.

Moro pediu demissão do governo na semana passada. O estopim para a saída do ex-ministro foi a demissão, assinada por Bolsonaro, do ex-diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo, homem de confiança de Moro. O ex-ministro afirmou que Bolsonaro tenta interferir politicamente na PF.

O inquérito aberto para investigar as denúncias de Moro tem relatoria do ministro Celso de Mello, no Supremo Tribunal Federal. O depoimento do ex-ministro é esperado para os próximos dias.

Na entrevista à revista, Moro disse que deixou 22 anos de magistratura para assumir o Ministério da Justiça e Segurança Pública, por considerar que teria apoio do governo no combate à corrupção. Apoio que, segundo Moro, ficou na promessa.

“Sinais de que o combate à corrupção não é prioridade do governo foram surgindo no decorrer da gestão. Começou com a transferência do Coaf [Conselho de Controle de Atividades Financeiras] para o Ministério da Economia. O governo não se movimentou para impedir a mudança. Depois, veio o projeto anticrime", afirmou Moro.

Ele disse que, na época da sanção do projeto anticrime, "praticamente implorou" para Bolsonaro vetar a figura do juiz de garantias (juiz que atuaria na fase de instrução do processo, mas não no julgamento). Bolsonaro não vetou.

"Recordo que praticamente implorei ao presidente que vetasse a figura do juiz de garantias, mas não fui atendido. É bom ressaltar que o Executivo nunca negociou cargos em troca de apoio, porém mais recentemente observei uma aproximação do governo com alguns políticos com histórico não tão positivo”, continuou o ex-ministro.

Moro acusa Bolsonaro: entenda o inquérito no STF

Moro disse à "Veja" que disse que apresentou provas no Jornal Nacional porque não podia admitir que o presidente o chamasse de mentiroso. O ministro mostrou ao JN troca de mensagens com o presidente. Na conversa, Bolsonaro enviou um link do site "O Anatagonista", segundo o qual a PF está "na cola" de dez a 12 deputados bolsonaristas.

O presidente, então, escreveu: "Mais um motivo para a troca", se referindo à mudança na direção da PF.

“Eu apresentei aquelas mensagens. Apresentei única e exclusivamente porque no pronunciamento do presidente ele afirmou falsamente que eu estava mentindo. Não posso admitir que ele me chame de mentiroso publicamente. Ele sabe quem está falando a verdade”", afirmou Moro.

Na entrevista, o ex-ministro disse que a decisão de Aras de colocá-lo como investigado foi uma ação "intimidatória".

“Entendi que a requisição de abertura desse inquérito que me aponta como possível responsável por calúnia e denunciação caluniosa foi intimidatória”, disse.

Ataques nas redes sociais

O ex-ministro falou dos ataques que vem sofrendo nas redes sociais, mas que não se intimidará diante deles.

“Não tenho medo de ofensas na internet, não. Me desagrada e tal, mas se alguém acha que vai me intimidar contando inverdades a meu respeito no whatsapp ou na internet está muito enganado sobre minha natureza”, afirmou Moro.

Explicações para a saída
Moro falou à "Veja" que não tinha a intenção de prejudicar o governo, mas que se sentiu na obrigação de explicar por que decidiu deixar o posto de ministro.

“É importante deixar muito claro: nunca foi minha intenção ser algoz do presidente ou prejudicar o governo. Na verdade, lamentei extremamente o fato de ter de adotar essa posição. O que eu fiz e entendi que era minha obrigação foi sair do governo e explicar por que estava saindo. Essa é a verdade”.

Adélio Bispo

Sobre as suspeitas de Bolsonaro de que Adélio Bispo, condenado pela facada desferida no presidente, tenha tido um mandante, Moro admitiu a possibilidade. Disse que é necessário vistoriar o celular de um advogado de Adélio, ação que a Policia Federal ainda não teve autorização judicial para executar.

“Existe forte suspeita de que o Adélio tenha agido a mando de outra pessoa. A Polícia Federal fez a investigação. Os delegados apresentaram todo o resultado da investigação até aquele momento. Pende para o final da investigação um pedido de exame no celular de um advogado do Adélio. A polícia buscou esse acesso e isso foi obstado pelas cortes de justiça, e ainda não há uma decisão definitiva”.


Fonte: G1
Share:

Veja em tempo real a sangria do açude Araras (Paulo Sarasate)

Açude Paulo Sarasate (Araras) 2020

Após nove anos o gigante do norte volta a sangrar: Veja em tempo real a sangria do açude Paulo Sarasate (Araras na cidade de Varjota - Ce).

Câmera 01 (Sangradouro)
Imagens Online Telecom (88) 3695.3050

O açude Araras (Paulo Sarasate), localizado no Município de Varjota/CE, começou a sangrar na tarde desta quinta-feira (23). A capacidade hídrica do Paulo Sarasate (Araras) é de 1.000.000.000m³.


A última sangria do açude Araras foi em 2011.

Câmera 02 (Sangradouro)

Imagens Online Telecom (88) 3695.3050




Câmera 03 (Cidade de Varjota - Ceará)

Imagens Online Telecom (88) 3695.3050




Informações técnicas:

A barragem Paulo Sarasate, do Açude Araras, está localizada no município de Varjota, estado do Ceará, a cerca de 250 km da cidade de Fortaleza. Barra o rio Acaraú, pertencente ao sistema do mesmo nome. A sua bacia hidrográfica cobre uma área de 3.520 km2.



Tem como finalidades a perenização e controle das cheias do rio Acaraú, a irrigação de 14.000 ha nas várzeas do mesmo rio, a geração de energia elétrica de aproximadamente 6.000 kVA (operados pela CHESF), a piscicultura e o aproveitamento de culturas na área de montante.



Os estudos de projeto tiveram início no ano de 1920 e, após uma série de paralisações, foram concluídos no ano de 1938. Posteriormente foi projetada e construída pelo Departamento Nacional de Obras Contra as Secas - DNOCS, com a consultoria da Cementation do Brasil S.A. - Engenharia Geral.



As obras civis foram iniciadas em 1951 , como atividade de emergência e assistencial. No ano de 1953 começou-se a construção da barragem auxiliar e, em 1956, a construção da barragem principal, que foi concluída no ano de 1958.






Fig. 4 - Tomada d´água





Fig 5- Seção transversal à galeria





Fig. 6 - Curva cota x área x volume

ARRANJO GERAL



A barragem Paulo Sarasate tem seu eixo com segmentos retilíneos e curvilíneos e é do tipo zoneada. Sua drenagem interna consiste de drenos horizontais, transversais e longitudinais ao eixo da barragem. No pé de jusante da barragem, no trecho do leito do rio Acaraú, foi construído um dreno de enrocamento de seção trapezoidal (Figs. 2 e 3).




Fig. 2 -Arranjo geral




Fig. 3 -Seção transversal à barragem
A barragem auxiliar tem características semelhantes às da barragem principal.

O vertedouro é do tipo descarga livre, dotado de um perfil Creager, e todo escavado em rocha.



A tomada d'água é constituída por uma galeria dupla, em concreto armado, na qual foram instalados dois tubos de aço. Na extremidade de montante estão duas comportas acionadas por um sistema de elevação, localizado na torre de controle.


GEOLOGIA E GEOTECNIA


O vale da barragem Paulo Sarasate se caracteriza por uma formação migmatítica que aflora em toda a extensão do talvegue, sendo mais xistoso nas ombreiras, onde ocorrem as zonas mais alteradas. O material empregado na parte de montante da barragem apresenta características que o classificam como SC-SM. O material da parte de jusante possui maior permeabilidade e está classificado como GW.



No leito do rio as condições de fundações são excelentes. O maciço se apóia diretamente no gnaisse, ou eventualmente na camada de areia, se esta satisfizer as condições granulométricas de filtro, A camada arenosa de pequena espessura, localizada a montante, foi totalmente removida. Sondagem feita no gnaisse, com testemunhos de 4", apresentou 100% de recuperação. A região sofreu grandes movimentos tectônicos, conforme se pode notar pela orientação do xisto, com direções e mergulhos variáveis. O gnaisse foi tratado por injeções de cimento de diâmetro AX feitas no leito do rio, de 10 em 10m, com profundidades variáveis, sob a condição de que a absorção d'água no furo seja menor que 21 t/m por minuto por 10 kg/m2.

HIDROLOGIA

O regime das chuvas foi obtido através dos dados das estações pluviométricas localizadas dentro da bacia hidrográfica, abrangendo o período de 1912 a 1934.



As vazões foram obtidas através de dados limnimétricos e com o emprego das fórmulas empíricas do Engº. Francisco Aguiar.


A curva cota x área x volume do reservatório é apresentada na figura 6.

Os trabalhos de tratamento das fundações, com injeções de cimento, foram executados pela firma Cementation do Brasil S.A. - Engenharia Geral.

A ombreira direita é a parte mais interessante da fundação da barragem, onde, em toda a largura da mesma, e em grande extensão, aflora um micaxisto complexo, sem orientações e mergulhos dominantes. Em numerosas zonas o micaxisto está inteiramente dobrado e com veios de quartzitos fragmentados que poderiam ocasionar "piping". Zonas de intensa concentração decomposta de mica também ocorrem ocasionalmente.

O micaxisto se assemelha a um "puzzle" de rochas heterogêneas arrumadas sem nenhuma lógica, Inspeções visuais constataram sua baixa resistência à ruptura, fraquíssima em alguns pontos, e sua elevada permeabilidade.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

DNOCS. 2. D.R. Arquivo Técnico. Processos do Açude

Público Araras. S.n.t.

MACÊDO, Maria Vilalba Alves de. Características físicas e Técnicas dos açudes públicos do Estado do Ceará. Fortaleza, DNOCS, 1977.132 p.

CARACTERÍSTICA TÉCNICAS
CAPACIDADE1.000.000.000m³ALTURA MÁXIMA19m
LOCALIZAÇÃOReriutaba-CELARGURA MÁXIMA DA BASE103m
SISTEMAAcaraúEXTENSÃO PELO COROAMENTO700m
RIO BARRADOAcaraúLARGURA DO COROAMENTO8m
BACIA HIDROGRÁFICA3.520km²
VERTEDOURO
BACIA HIDRÁULICA9.625haTIPODescarga Livre
PRECIPITAÇÃO MÉDIA ANUAL797mmLARGURA260m
EVAPORAÇÃO ANUAL2.172mmREVANCHE4m
PRECIPITAÇÃO EFETIVA591mmVOLUME DE CORTE67.400m³
DESCARGA MÉDIA MENSAL15,1m³/s
TOMADA D´ÁGUA
BARRAGEM PRINCIPALTIPOGaleria Dupla
TIPOTerra ZoneadaEXTENSÃO225m
ALTURA MÁXIMA38mDIÂMETRO2,10
LARGURA MÁXIMA NA BASE225mTIPO DE TURBINAKaplan
EXTENSÃO PELO COROAMENTO2.600m
USINA HIDRELÉTRICA
LARGURA DO COROAMENTO8mTURBINA2
VOLUME DE TERRA3.580.000m³TIPOKaplan
 BARRAGEM AUXILIAR 
POTÊNCIA6.400CV
TIPOTerra HomogêneaCAPACIDADE6.000KVA



  • Com informações do Denocs 
Share:

Auxilio emergencial já pode ser solicitado pelo aplicativo da caixa baixe agora

Imagem ilustrativa Caixa

BAIXE AGORA O APLICATIVO


A Caixa Econômica lançou, nesta terça-feira (7), o site para cadastro de beneficiários do Auxílio Emergencial de R$ 600. Um aplicativo similar também foi divulgado para usuários de smartphones Android e iOS (iPhone), bem como o número 111, para que a população tire dúvidas. O primeiro pagamento ocorrerá até quinta-feira, 9/4, para correntistas da Caixa e do Banco do Brasil. Para os demais, a partir de 14 de abril. Até o dia 30 de abril, a segunda parcela do auxílio será paga.
 


Quem não tem conta em banco ganhará uma poupança da Caixa sem custos e poderá receber pagamentos e fazer depósitos gratuitamente, garantiu o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães.


No site, é possível fazer a inscrição de trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI), autônomos ou desempregados. Segundo a página, o auxílio tem como objetivo proteção destas pessoas no período emergencial de enfrentamento à crise causada pela pandemia do coronavírus.


Para receber o pagamento de R$ 600 é preciso atender as seguintes condições:


-Ser titular de pessoa jurídica (micro empreendedor individual ou MEI)


-Estar inscrito no Cadastro Único (CadÚnico) para programas sociais do Governo Federal até o último dia 20 de março


-Cumprir o requisito de renda média (renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa e de até 3 salários mínimos por família) até 20 de março de 2020


-Ser contribuinte ou facultativo do Regime Geral de Previdência Social

-Ter mais de 18 anos de idade

-Ter renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa (R$ 522,50)

-Ter renda mensal de até 3 salários mínimos (R$ 3.135) por família

-Não ter recebido rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2018

Na renda familiar, não contam os valores recebidos do Bolsa Família, mas os demais rendimentos estão inclusos.

A mulher que for mãe de família e estiver dentro dos demais critérios poderá receber R$ 1.200 (duas cotas) por mês

Expectativa

Segundo o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, 15 milhões de brasileiros devem se cadastrar no Auxílio Emergencial ainda hoje.

De acordo com o presidente da Caixa, o Governo Federal estima pagar R$ 98 bilhões de auxílio nos próximos 45 dias, para 54 milhões de brasileiros.

Já segundo o ministro da Cidadania, 30 milhões de pessoas vão receber uma conta na Caixa sem custo.

Débitos anteriores

Durante a coletiva, o ministro Lorenzoni afirmou que o recurso não pode ser coletado para débitos anteriores. "Por exemplo, quando o dinheiro é enviado da Caixa para um banco privado, débitos anteriores não poderão ser quitados, pois este recurso não se destina a pagamentos de dívidas anteriores e sim para a manutenção da vida durante a pandemia", afirmou o ministro da Cidadania. E isso foi um acordo feito entre Governo Federal, Caixa, Banco do Brasil e Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

Programas sociais

Beneficiários de programas sociais como o Bolsa Família não precisam se cadastrar no site ou no app do Auxílio Emergencial, pois irão receber o auxílio nos formatos atuais que eles já possuem.

Fonte: Diario do nordeste
Share:

Grupo armado explode agência bancária em Umirim, no Ceará

Fonte: G1/ Ce

Um grupo com sete homens fortemente armados explodiu uma agência bancária do município de Umirim, na Região Norte do Ceará, na madrugada desta terça-feira (7). O ataque à unidade bancária, localizada no Centro da cidade, ocorreu por volta das 2h30 da manhã.

Ainda não há informações sobre o material utilizado durante o ataque, que deixou a parte interior do banco completamente destruída. A Polícia Militar de Pentecoste confirma que o grupo levou dinheiro, mas a quantia será revelada somente após perícia.

Após atacarem a agência do Bradesco, os criminosos fugiram em um carro branco, mas o veículo foi abandonado na Estrada da Oiticica, que liga Umirim a Itapajé, afirma a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS-CE), em nota. O grupo deu continuidade à fuga em motos, seguindo em direção a Itapajé, acrescenta a Polícia Militar de Pentecoste.

O carro, com placas de São Paulo, apresentava digitais e manchas vermelhas. A polícia suspeita que sejam vestígios da tinta de segurança das cédulas retiradas do caixa eletrônico.

Ainda de acordo com a Secretaria da Segurança, equipes da Polícia Militar do Ceará (PMCE), da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) e da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) foram acionadas e fizeram buscas na região. Entretanto, nenhum dos suspeitos foi localizado.

Policiais civis da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) vão atuar nas investigações em conjunto com equipes da Delegacia Municipal de Pentecoste, complementa a SSPDS.

A Pasta pede que a população contribua com o trabalho policial repassando informações. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública; para o (85) 3364-1190, da Polícia Militar de Umirim; ou ainda para o número (85) 3101-1140, da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF). O Estado afirma garantir sigilo e anonimato.

Sem atendimento

Ao contrário do procedimento comum em casos de ataques a bancos, os criminosos não foram ao destacamento da Polícia Militar, onde costumam atirar contra o prédio para impedir a saída dos policiais.

"Ficou complicada a situação da cidade sem esse banco. A única agência do Bradesco para os aposentados era essa aqui. Ou então eles têm que ir pra Itapajé e fica mais difícil porque é um gasto a mais para os senhores de idade. E muitos deles sustentam a família", afirma o mototaxista Célio Silva, morador de Umirim.

Em setembro do ano passado, uma agência do Banco do Brasil foi alvo de ataque em Umirim. Na ocasião, os criminosos usaram explosivos e uma picareta, mas não levaram nada.


Fonte: G1/ Ce 
Share:

Procurar no Ceará em rede

Twitter Ceará em Rede

Destaque

Suspeito de traficar anabolizantes é preso em Vitória

Fonte: G1 Um homem de 39 anos foi preso nesta terça-feira (8), em Vitória, suspeito de traficar anabolizantes e falsificar receitas médi...

Arquivo do blog